Topo

Coluna

Leo Dias


Alok lança vaquinha para construir escola e centro de saúde na África

Alok - Divulgação
Alok Imagem: Divulgação
Leo Dias

Leo Dias é jornalista e diretor-executivo do "TV Fama", da Rede TV!. Foi correspondente internacional da rádio portuguesa RDP, passou pelas TVs Bandeirantes e RedeTV! e apresentou um programa na rádio FM O Dia, líder de audiência no Rio de Janeiro, onde entrevistava políticos, jogadores de futebol, dirigentes e muitos artistas. Assinou uma coluna de celebridades no jornal "O Dia" e também esteve nos jornais "Extra" e nas revistas "Contigo", "Chiques e Famosos", "Amiga" e "Manchete". Apesar dessa experiência, sempre se definiu como repórter, tamanha paixão pela apuração da notícia e pela vontade em produzir conteúdos exclusivos. Polêmico, controverso e dono de uma forte personalidade, Leo conquistou um público cativo por dar notas explosivas e audaciosas num mundo artístico mais conservador. Seu lema: "A fama tem um preço estou aqui para cobrar".

Colunista do UOL

27/11/2019 15h52

Resumo da notícia

  • O DJ Alok, que entregou recentemente uma escola e um centro de saúde em uma aldeia em Moçambique, quer fazer o mesmo em outra comunidade na África.
  • Alok doou 250 mil reais e criou uma vaquinha virtual para arrecadar os outros 250 mil necessários para a realização das duas construções.
  • Já foram arrecadados pouco mais de 54 mil reais.

Apoiador do movimento 'Fraternidade Sem Fronteiras', o DJ Alok lançou, pela primeira vez, uma vaquinha vitual para arrecadar fundos para a construção de uma nova escola e um novo centro de saúde, agora, na aldeia de Muzumuia, em Moçambique, no continente africano.

O custo total da construção é de meio milhão de reais. Metade desse valor, 250 mil, já foram doados pelo próprio DJ, e a outra metade conta com a solidariedade de quem puder ajudar. Até a publicação desta nota, o valor arrecadado era de pouco mais de 54 mil reais.

Recentemente, Alok entregou um centro de saúde e uma escola em outra aldeia de Moçambique, a Sete de Abril, que ele havia conhecido em uma viagem realizada no ano passado. Mesmo recém-inaugurada, a escola já atende há mais de mil crianças.

O DJ espera atingir a meta o quanto antes e atesta a importância das doações para o movimento social. "Tudo o que é investido aqui, no Fraternidade Sem Fronteiras, traz resultado e transformação.", disse Alok. As doações podem ser feitas aqui.

Leo Dias