PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Leo Dias


Mãe de Safadão é acusada de atrasar salários de funcionários. Ela confirma

Wesley Safadão e Dona Bill  - Reprodução/Instagram
Wesley Safadão e Dona Bill Imagem: Reprodução/Instagram
Leo Dias

Leo Dias é jornalista e diretor-executivo do "TV Fama", da Rede TV!. Foi correspondente internacional da rádio portuguesa RDP, passou pelas TVs Bandeirantes e RedeTV! e apresentou um programa na rádio FM O Dia, líder de audiência no Rio de Janeiro, onde entrevistava políticos, jogadores de futebol, dirigentes e muitos artistas. Assinou uma coluna de celebridades no jornal "O Dia" e também esteve nos jornais "Extra" e nas revistas "Contigo", "Chiques e Famosos", "Amiga" e "Manchete". Apesar dessa experiência, sempre se definiu como repórter, tamanha paixão pela apuração da notícia e pela vontade em produzir conteúdos exclusivos. Polêmico, controverso e dono de uma forte personalidade, Leo conquistou um público cativo por dar notas explosivas e audaciosas num mundo artístico mais conservador. Seu lema: "A fama tem um preço estou aqui para cobrar".

Colunista do UOL

29/03/2020 12h08

A Coluna do Leo Dias recebeu a denúncia de que os funcionários da W2Farma, uma das empresas de Dona Bill, a mãe de Wesley Safadão, estão desde novembro de 2019 sem receber salários.

Procuramos Dona Bill, que nos atendeu prontamente e não usou meias palavras: "É verdade, estamos passando por uma grave crise, há muito tempo, e desde novembro não conseguimos cumprir com o compromisso do salário. Já coloquei um mês em dia e em março havia a previsão de colocarmos mais um."

A família de Dona Bill é dona de alguns negócios na pequena cidade de Aracoiaba, no Ceará. De posto de gasolina à distribuidora de remédios, que, segundo a própria, nunca deu lucro, mas, de fato, ela tem de tudo um pouco na cidade.

"Nestes negócios, sou dona da W2 e sócia na WS, do Wesley. O posto de gasolina é do meu filho. E tem outras coisas. Cada um vai ganhando seu dinheiro. Infelizmente na W2 tivemos esse problema, mas é um sonho meu essa empresa. Algumas pessoas da empresa tomaram decisões erradas e levaram ela a esta situação crítica. Eu, como dona, tenho que arcar com os prejuízos", falou Dona Bill.

A maior parte da fortuna de Dona Bill nasceu na música, com a criação do Garota Safada, projeto em parceira. Só depois vieram os outros negócios e patrimônios da mãe de Safadão.

O mais curioso é a resposta que Dona Bill me dá para tantos investimentos: "É para quando a carreira do Wesley não existir mais, um dia, quando ele parar, e eu espero que isso seja em breve", disse, em tom de brincadeira.

Leo Dias