PUBLICIDADE
Topo

O beco sem saída de Anitta que só os astros dirão o caminho certo

Anitta - Reprodução/Instagram
Anitta Imagem: Reprodução/Instagram
Blog do Leo Dias

Notícias exclusivas sobre o mundo das celebridades e os bastidores do show business no Brasil.

Colunista do UOL

27/04/2020 14h08

2020 seria o grande ano de Anitta no exterior. Quase todos os seus planos estavam voltados para lá. Ela tem um CD pronto: todo em inglês e espanhol que seria lançado em abril, simultaneamente ao festival Coachella, na Califórnia. A pandemia, fez com que, inicialmente, fosse tudo adiado para outubro, mas há uma forte tendência de que seja tudo cancelado. Um ano perdido. E no funk, um ano faz muita diferença. Funk está ligado à juventude, ao sexo. Entrar com força no mercado americano das sex symbols aos 28 anos ... é um perigo!

Não sei se você sabe, caro leitor, Anitta é muitíssimo ligada a tudo o que astrólogas, videntes e seus próprios sonhos dizem sobre a sua carreira. Ela previu praticamente tudo o que aconteceu. É sério! Mas não veio nenhuma mensagem divina do exterior. Seu último sucesso internacional foi "Downtown" em 2017. Três anos sem emplacar nada no exterior faz diferença.

Anitta tem que se submeter a regras da Warner Mundo, muitas delas ela não concorda. Ela gravou "Medicina" contra a sua vontade, ela foi obrigada pela gravadora. E uma coisa que Anitta odeia é ser mandada. Na Warner Brasil, ela que manda. Mais que o presidente, diga-se de passagem.

E agora? Com os planos internacionais indo por água abaixo... Amor, então, Anitta tem saída pra tudo. Ela tem mais de 30 músicas prontas para serem lançadas. A qualquer momento, a qualquer hora.

A questão do funk neste momento é que, ao contrário dos outros ritmos, suas músicas são perecíveis e duram bem menos que um sertanejo ou samba. Por isso, lançar qualquer coisa neste momento, é correr um enorme risco da música estourar e ela não conseguir lucrar com ela.

E mais: Anitta e Vitão já gravaram um CD inteirinho e está pronto para ser lançado, com uma turnê em conjunto. Mas aí ela recaí novamente no erro que tanto os fãs criticam: eles querem a Anitta solo, sem feat, a Anitta de Bang, a Anitta favelada.... mas ela está se perdendo. Infelizmente.

Há muitas outras saídas para a carreira de Anitta e ela, que sabe muito bem o que é dar a volta por cima, deve estar à espera de um sinal divino, ou através de sua religião, ou de um simples sonho, mas, com certeza, parada ela não vai ficar.