Topo

Famosos

"Vou lutar", diz Luiza Brunet após perder processo contra o ex

Reprodução/YouTube
Luiza Brunet Imagem: Reprodução/YouTube

Colaboração para o UOL

31/05/2018 11h05

Luiza Brunet promete não desistir de lutar para provar na justiça que viveu uma união estável com seu ex, o empresário Lírio Parisotto, de quem se separou após sofrer agressões. Nesta semana, saiu a notícia de que ela perdeu na justiça o pedido de reconhecimento do vínculo da relação dos dois, algo que ela afirma ser simples de ser provado.

"Foram 5 anos de união estável. Há provas públicas (só procurar pelo Google). E também as que estão no processo. Como fiz em toda minha vida: jamais, jamais, abriria mão dos meus direitos. Neste caso, ao meu direito à união estável. Previsto por lei, pela ética e que incomoda a quem não quer ver o mundo mais justo. Ou quem não entendeu que as mulheres vivem um outro momento dentro da sociedade. Eu tenho uma história. Não exercer meu direito seria desonrar minha história. Como posso incentivar as mulheres a lutar se não fizer o mesmo? Jamais", defendeu ela, que já tinha dito que seus advogados vão recorrer da decisão.

Em outro momento, Luiza lembrou dos inúmeros casos de violência contra as mulheres para seguir em sua luta. "Vivemos num país onde mulheres são violentadas de todas as formas. Como eu fui. Feminicídio altíssimo. Não largarei jamais essa bandeira. Vou lutar pra sempre contra essa situação. Ainda que tenha medo das ameaças que me foram feitas. A que ponto chegamos... Ainda que o preconceito tente distorcer minha luta. Mas eu sou neta de índios, amigos. Meu sangue é de mulher guerreira. E se Deus me deu essa missão e esse propósito, Ele me dará forças para suportar as agressões", falou ela.

Por fim, relembrou de sua história - contando até que vai virar filme - e incentivou que as mulheres briguem por seus direitos. "Construi minha carreira com muito trabalho. Esse legado estará, em breve, num filme. Mas, sinceramente, eu espero que ele esteja mesmo é na atitude das mulheres agredidas. Que elas denunciem. Façam como eu, busquem todos, todos os seus direitos. Não vou deixar de lutar jamais. Não vamos deixar de lutar jamais", disse.

Na quarta-feira (30), o empresário comemorou na mesma rede social sua vitória na justiça. "Acabei de derrubar esta mentira. Numa brilhante decisão de 17 páginas, dada pelo MM Juiz de Direito, Dr Leonardo Aigner Ribeiro, qualificou nosso relacionamento como namoro tormentoso, queria entrar no financeiro", disse Parisotto.

Foram 5 anos de união estável. Há provas. Públicas (só procurar pelo Google). E também as que estão no processo. Como fiz em toda minha vida: jamais, jamais, abriria mão dos meus direitos. Neste caso, ao meu direito à união estável. Previsto por lei, pela ética e que incomoda a quem não quer ver o mundo mais justo. Ou quem não entendeu que as mulheres vivem um outro momento dentro da sociedade. Eu tenho uma história. Não exercer meu direito seria desonrar minha história. Como posso incentivar as mulheres a lutar se não fizer o mesmo? Jamais! Vivemos num país onde mulheres são violentadas de todas as formas. Como eu fui. Feminicídio altíssimo. Não largarei jamais essa bandeira. Vou lutar pra sempre contra essa situação. Ainda que tenha medo das ameaças que me foram feitas. A que ponto chegamos... Ainda que o preconceito tente distorcer minha luta. Mas eu sou neta de índios, amigos. Meu sangue é de mulher guerreira. E se Deus me deu essa missão e esse propósito, Ele me dará forças para suportar as agressões. Construi minha carreira com muito trabalho. Esse legado estará, em breve, num filme. Mas, sinceramente, eu espero que ele esteja mesmo é na atitude das mulheres agredidas. Que elas denunciem. Façam como eu, busquem todos, todos os seus direitos. Não vou deixar de lutar jamais. Não vamos deixar de lutar jamais! #fhotoofthedays💯💯💯 #violenciacontramulher #violenciadegenero #instgood #justice #deusnocomando #amor #compaixao #gratidao

Uma publicação compartilhada por Luiza Brunet (@luizabrunetoficial) em

Newsletters

Mauricio Stycer traz análises exclusivas sobre TV e Famosos.

Quero receber