Topo

Famosos


Sarah Poncio chora e diz perdoar traição de marido com atriz pela família

Sarah Poncio chora ao falar sobre traição do marido, o cantor Jonathan Couto, com a atriz Letícia Almeida - Reprodução/YouTube/Na Lata
Sarah Poncio chora ao falar sobre traição do marido, o cantor Jonathan Couto, com a atriz Letícia Almeida Imagem: Reprodução/YouTube/Na Lata

Paulo Pacheco

Do UOL, em São Paulo

21/08/2018 01h34

Sarah Poncio, protagonista do "caso de família" mais surpreendente deste mês, rompeu o silêncio e falou sobre a traição de seu marido, o cantor Jonathan Couto, com a cunhada, a atriz Letícia Almeida, que trabalhou na Globo na novela "Meu Pedacinho de Chão" (2014) e na série "Dois Irmãos" (2017) e namorava Saulo Poncio, cantor da dupla UM44K.

Em entrevista ao canal "Na Lata", de Antonia Fontenelle, Sarah chorou ao ser perguntada sobre o que mais deseja para a vida dela: "Desejo que isso passe logo". A mulher de Jonathan Couto admitiu ter perdoado a traição, a ex-cunhada e o marido para manter a família e preservar Madalena, fruto da infidelidade.

"Jamais vou defender o Jonathan em relação ao que aconteceu, tenho total ciência da parcela de culpa dos dois. Mas quando descobri tudo isso, olhei para mim e falei: 'Não aguento, não sou forte'. Mas olhei para o meu filho e o abracei: 'Eu vou conseguir'. E perdoando que se é perdoado. Acho que, quanto mais difícil for, maior será a recompensa. Estou crendo que Deus vai me honrar. Eu tinha duas opções: rompia ou lutava pela minha família. Eu escolhi lutar pela minha família. Esta foi minha escolha hoje", explicou.

Aos 21 anos e grávida do segundo filho, ela não sabe se vai mudar de ideia sobre manter o casamento com Jonathan após a traição, mas viu no marido a vontade de se redimir.

"O Jonathan me dá forças. Não que ele mereça, não que ele tenha culpa de nada, mas ele me dá força, porque eu vi nele uma esperança de mudança. Só eu sei o que eu sinto, só eu sei o que vivi com ele. Ninguém usa máscara 24 horas por dia e eu sei que o que vivi com ele foi de verdade. Hoje, eu olho para ele e vejo que é grato pelo meu perdão e está disposto a mudar", afirmou.

Sarah Poncio, traída pelo marido, o cantor Jonathan Couto, com a atriz Letícia Almeida, fala sobre o caso em entrevista a Antonia Fontenelle - Reprodução/YouTube
Sarah Poncio, traída pelo marido, o cantor Jonathan Couto, com a atriz Letícia Almeida, fala sobre o caso em entrevista a Antonia Fontenelle
Imagem: Reprodução/YouTube

Noite da traição

A mulher de Jonathan Couto disse se lembrar "perfeitamente" da noite em que o marido a traiu com a então cunhada. Saulo Poncio tinha viajado para um show em Brasília. Na casa, estavam, além de Sarah, os pais e o marido dela, Letícia e um amigo. Quando os pais foram dormir, ela saiu para dar banho no filho recém-nascido, José, e o amigo dormiu. Quando ficaram sozinhos, Letícia e Jonathan transaram.

"Estávamos no andar de baixo, na varanda, tomando vinho, comendo queijo, biscoito, conversando, tocando música, até que meus pais subiram para dormir e eu subi para dar banho no Zé, com quatro meses na época. O Zé dormia sempre na cama da gente. Falei: 'Meu amor, vou dormir na cama com o Zé. Depois, se quiser vir para o quarto, vou estar te esperando'. O amigo dele dormiu, eles ficaram na área de lazer e foi onde aconteceu", recordou.

Letícia morou na casa de Saulo mesmo após a traição --chegou inclusive a passar o endereço para o ator Pablo Morais, com quem teve um affair. Ela se mudaria para um apartamento mobiliado pelos sogros, com um quarto para a filha que estava esperando. Após o nascimento de Madalena, Saulo decidiu se separar e começou a se relacionar com a modelo Gabi Brandt, ex-participante do reality show "De Férias com o Ex", da MTV. Eles se noivaram, e Letícia decidiu sair de casa com a filha e jogar os podres da casa nas redes sociais.

Sarah contou ter descoberto que tinha sido traída durante uma conversa com os pais: "Quando cheguei, já estava aquele ambiente tenso. Tínhamos acabado de descobrir que Saulo não era o pai, ninguém sabia quem era o pai. Sentei na cama com minha mãe e meu irmão, e meu pai em pé virou para mim e falou: 'Tudo que Deus faz é bom. Agora é o momento de a gente se unir, ser forte e amar. A Madá é filha do Jonathan'. Não consegui dormir, passei a noite em claro, chorando no colo da minha mãe".