PUBLICIDADE
Topo

Televisão

"Não deu pra me despedir", lamenta Fernando Rocha após deixar "Bem Estar"

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

27/02/2019 11h06

Fernando Rocha foi pego de surpresa ao ser comunicado, ontem, que não seguiria no comando do "Bem Estar". O apresentador conversou com o UOL na manhã de hoje e disse entender que o programa sofreu mudanças, ficou mais sério e foi orientando a buscar novos projetos. A Globo informou que o vínculo de trabalho será encerrado ao fim do contrato, em agosto.

"Fui pego de supetão. A decisão de mudar o programa foi do Mariano [Boni, diretor de conteúdo de Variedades] , ele reformulou esse grupo e me comunicou que eu iria deixar e me deixou a vontade pra procurar outros projetos dentro e fora da Globo", disse Fernando.

"Não tive espaço nem para me despedir. É uma opção dele. Vou me despedir nas redes sociais. O tempo ficou escasso para eu fazer brincadeiras com o público, brincar com os médicos, tudo foi ficando muito espremido ali", completou.

Fernando garante que não está com raiva e entende sua saída como um rito de passagem para buscar novos desafios.

"Por incrível que pareça, o jornalismo está mais divertido que esse entretenimento pela manhã. Está muito cedo para pensar qualquer coisa. Vim do jornalismo, do esporte... Vou baixar a poeira, estava precisando de férias, mas não descarto algum projeto fora da Globo, na internet", contou.

O apresentador disse que, com pautas mais sérias e noticiosas, o tom do programa foi mudando aos poucos.

"Se você fosse observar, a mudança estava vindo devagarzinho, o programa foi ficando sério, com assuntos mais noticiosos. Quando a gente foi pro entretenimento foi quando a gente acabou falando mais de notícias. O tom do programa foi mudando, olhando por esse lado, não foi uma surpresa. É uma opção deles, tenho respeito.", disse.

Rocha comentou que, com o curto espaço no ar, faltava tempo para ele fazer as brincadeiras e piadas, que muitas vezes viraram memes nas redes sociais.

"Realmente não cabia ali mais no programa, estava sério demais. Sou mais alegre do que triste. Fiquei uma semana em Brumadinho, me lembrou o acidente da TAM, que também cobri em 2007, isso me fez pensar muito. Essa semana foi muito definitiva para eu pensar. Entendi o rumo novo que as coisas estavam tomando e o que o programa estava virando."

"Eu, que muitas vezes estava virando meme, estava procurando mortos nas tragédias de Brumadinho. Tem alguém no lugar errado, né? Esse alguém sou eu", concluiu.

Em agosto do ano passado, o apresentador viralizou nas redes sociais ao fazer uma piada sobre o "encontro da clara com o ovo" que deixou o médico do programa, Dr. Roberto Kalil, um tanto constrangido por não ter achado graça.

Por enquanto, ele ainda não decidiu que rumo seguirá e tirará as férias, que foram antecipadas pela Globo com sua saída do "Bem Estar", para refletir sobre o assunto.

"Vou seguir minha vida dentro ou fora da casa. Tenho 30 anos de casa, sou muito querido, tenho grandes amigos. Já passei por Recife, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, posso continuar em São Paulo também. Já passei pelo jornalismo, sou ator, tenho DRT, faço palestras, sei fazer muitas coisas".

Televisão