Topo

Televisão


Âncora da Band se solidariza com Sheherazade, PHA e Marco Antonio Villa

Fábio Pannunzio se solidariza com colegas - Reprodução/Band
Fábio Pannunzio se solidariza com colegas Imagem: Reprodução/Band

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

25/06/2019 00h07

Âncora do "Jornal da Noite", da TV Bandeirantes, Fabio Pannunzio prestou solidariedade a colegas que, na sua avaliação, estão sendo perseguidos graças àquilo que definiu como "macartismo bolsonarista".

Na mensagem, publicada em seu perfil no Twitter, Pannunzio cita o afastamento de Paulo Henrique Amorim do comando do "Domingo Espetacular", da Record, a ameaça sofrida por Rachel Sheherazade (Luciano Hang, dono das lojas Havan, patrocinadora de programas do SBT, pediu para que Silvio Santos a demitisse), além da saída de Marco Antonio Villa da rádio Jovem Pan.

Na opinião do apresentador da Band, todos os três --críticos à gestão do presidente Jair Bolsonaro-- foram vítimas.

"Não tenho nenhum apreço pelo jornalismo do Paulo Henrique Amorim, a quem tenho criticado nos últimos dez anos. Mas a demissão dele é brutal e inaceitável, produto do macartismo bolsonarista que já vitimou @VillaMarcovilla, @marcelomadu e ameaça @RachelSherazade", escreveu ele.

No fim de semana, o empresário Luciano Hang --apoiador de Jair Bolsonaro, dono das lojas Havan-- usou matéria publicada pelo colunista do UOL Ricardo Feltrin, que citava a "redução de equipes e o desmonte no jornalismo do SBT", para saudar Silvio Santos e sugerir a demissão de Rachel Sheherazade. A jornalista reagiu à publicação dizendo que irá processá-lo.

Nesta segunda-feira foi a vez do historiador e comentarista político Marco Antonio Villa anunciar a sua saída da rádio Jovem Pan, depois de ser suspenso por 30 dias pela própria direção da emissora, em maio. Ele foi suspenso depois de afirmar no "Jornal da Manhã" que "atos neonazistas [aconteceriam] no dia 26 [de maio]". Ele fazia referência às manifestações pró-governo.

Já Paulo Henrique Amorim foi convocado pela direção da Record para uma reunião e, em seguida, anunciado o seu afastamento do "Domingo Espetacular". O veterano, no entanto, permanece na emissora com contrato que vai até 2021, segundo informações publicadas pelo site "Notícias da TV", parceiro do UOL.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Televisão