PUBLICIDADE
Topo

Televisão


Foto com âncoras da CNN levanta debate na web: "Cadê a representatividade?"

Time de Âncoras da CNN Brasil - Colaboração para o UOL
Time de Âncoras da CNN Brasil Imagem: Colaboração para o UOL

Do UOL, em São Paulo

27/01/2020 16h43

Uma foto oficial com âncoras da CNN Brasil, publicada na manhã de hoje nas redes sociais, levou internautas a questionar a falta de diversidade no novo canal de notícias, com estreia prevista para março.

Dos 15 apresentadores, que aparecem na foto, apenas dois são negros: Diego Sarza e Luciana Barreto.

"Quanta diversidade", ironizou um dos seguidores, no Twitter. "13 brancos e 2 negros. Pelo menos o número de mulheres está quase igual", escreveu outro seguidor. "Um monte de gente branca. Começou bem hein, CNN Brasil? Cadê a representatividade?", questionou outro. "Apenas dois negros. Orgulho? De jeito nenhum", afirmou um quarto internauta.

Na foto, além de Sarza e Barreto, posam lado a lado Reinaldo Gottino, Amábyle Sandri, Mari Palma, Kenzo Machida, Taís Lopes, Evaristo Costa, William Waack,Cris Dias, Monalisa Perroni, Cassius Zeilmann, Daniela Lima, Daniel Adjuto e Phelipe Siani.

Apesar das críticas, na última sexta-feira a CNN Brasil também anunciou a jornalista Luciene Kaxinawá, filha de mãe indígena, como sua correspondente na região Amazônica. Ela fará reportagens para o novo canal direto de Porto Velho (RO).

A expectativa é que a CNN Brasil entre no ar em março na TV por assinatura e em outras plataformas.

Televisão