PUBLICIDADE
Topo

Advogado diz que Rose foi aliciada em velório e rebate mãe de Gugu

Rose Miriam abraça filho João Augusto durante velório do companheiro Gugu Liberato - Manuela Scarpa e Marcos Ribas/Brazil News
Rose Miriam abraça filho João Augusto durante velório do companheiro Gugu Liberato Imagem: Manuela Scarpa e Marcos Ribas/Brazil News

Colaboração para o UOL

11/02/2020 17h05

A disputa entre a família de Gugu Liberato e a mãe dos filhos do apresentador, Rose Miriam di Matteo, ganhou um novo capítulo público hoje.

Em entrevista ao Programa Pânico, da Rádio Jovem Pan, o advogado de Rose, Nelson Wilians, deu fortes declarações sobre o andamento do processo que move para que seja reconhecida a união estável entre sua cliente e o artista morto em um acidente doméstico em novembro de 2019.

De acordo com ele, os advogados da família de Gugu aliciaram a viúva ainda durante o velório do apresentador para que ela participasse da leitura do testamento.

"Aconteceu um fato assustador. Ela passou a ser assediada antes mesmo do sepultamento do Gugu. Nunca vi isso. No velório, ela passou a ser cercada, pessoas falando que ela precisava ver uns documentos. Isso começa pela irmã [Aparecida Liberatto], depois pelos advogados. É assustador que alguém faça isso. Uma coisa triste. O caixão mal desceu à sepultura, colocaram a Rose em uma van e saíram em disparada para a leitura do testamento e assinatura de procurações. Imaginem a situação psicológica da Rose", contou.

Na conversa, Wilians repercutiu a entrevista da mãe de Gugu, Maria do Céu, ao Fantástico, da TV Globo, no último dia 2 de fevereiro. Contrariado, o advogado chegou a se exaltar: "Ela disse que a Rose não era nada. Alguém aqui já dedicou a vida a alguém para ouvir depois que não era 'nada'? Ela abriu mão de tudo, se dedicou. Uma vida reduzida a 'nada'. Não era nada uma ova. Ela era companheira do Gugu".

Afinal, o que quer Rose Miriam?

O advogado esclareceu que Rose Miriam não tem grandes ambições. Que a ideia de sua cliente é apenas ser reconhecida por ter dedicado parte de sua vida a constituir uma família ao lado de Gugu.

"Ela quer reconhecimento. Foi uma vida entregue a um homem e uma família. Rose Miriam é médica e abriu mão da profissão para cuidar da família, dos três filhos e de Gugu. Renunciou a tudo. Ela não é uma ignorante. É médica formada e poderia exercer sua profissão. Ela abriu mão pelo acordo verbal de cuidar da família e o Gugu pagaria todas as contas", declarou.

Ele ainda revelou que, caso Rose saia vitoriosa do processo, abrirá mão do valor a que terá direito em nome dos filhos e ficará apenas com uma pequena parte (não-revelada) para sua subsistência. "Essa disputa não começa pelo dinheiro. Começa pela falta de consideração e respeito. A Rose é desprovida de ambição", encerrou.