PUBLICIDADE
Topo

Rafa Kalimann sobre missões na África: 'Quem mais fala menos ajuda'

Rafa Kalimann - Instagram/Reprodução
Rafa Kalimann Imagem: Instagram/Reprodução

Daniel Palomares

Do UOL, em São Paulo

02/06/2020 04h00

Aleluia, arrepiei! Rafa Kalimann teve um dos saldos mais positivos entre os participantes do "BBB 20" e só continua melhorando. A influenciadora ganhou mais de 10 milhões de seguidores no Instagram depois de sua participação no reality, se tornou um dos nomes mais queridos do público e agora embarcará em duas novas aventuras: um canal no YouTube e um contrato com a Globo para participar de conteúdos originais do canal.

Sem poder ainda dar muitos detalhes sobre a futura carreira global, Rafa vem dedicando seu tempo na quarentena a produzir os vídeos para o seu novo canal e para isso conta com a ajuda da família toda. "Meu irmão virou videomaker, meu closet virou escritório... Estamos nos reinventando!", conta Rafa, em papo com o UOL, no qual relembrou detalhes de sua participação no "BBB" e ainda rebateu críticas sobre suas viagens missionárias para a África.

Ressaca pós-BBB

No dia que marcou um mês do fim do "BBB 20", Rafa gravou Stories em prantos, relembrando o programa. Ela ainda tenta se adaptar à nova realidade fora da casa.

Ninguém esperava pelo sucesso do programa. Foi um choque grande ver os recordes de votação e de audiência. Foi um formato novo e arriscado. Para a minha carreira eu sabia que era um risco. A vulnerabilidade e a exposição ali, 24 horas por dia, são difíceis

Agora isolada em casa com a família, em Goiânia, Rafa só deixou a quarentena duas vezes para apresentar as lives da amiga Naiara Azevedo e do ex Rodolffo, da dupla Israel e Rodolfo. "Só fui porque eram beneficentes. Tivemos toda segurança", explica. "É difícil encontrar um lado positivo nessa tristeza atualmente, mas a quarentena está me fazendo bem, colocando meus pés no chão. É um momento de pôr as ideias no lugar e de me reconectar com o mundo."

Aqui fora, Rafa mantém contato próximo com Thelma e Manu e não vê a hora de reencontrá-las ao vivo. "Nos falamos todos os dias. Uma dá apoio para a outra. Não tem como deixar passar uma amizade tão linda e tão verdadeira. Foi muito valioso ter saído de lá com elas, ter compartilhado esse momento de dificuldade e transição juntas. Somos cúmplices."

Que falta faz um mozão...

Mesmo se divertindo ao lado da família, Rafa sente falta mesmo é de ter alguém especial ao seu lado. A vida de solteira durante a pandemia não está das melhores.

Está péssima a experiência. São muitos meses sozinha, sem ninguém. Eu sou muito namoradeira, sempre estive em relacionamentos. Eu gosto disso.

"Não tenho nem um contatinho para trocar história, falar no WhatsApp. Mas sei que, na hora certa, eu encontro. Agora só iria passar vontade mesmo. Não dá para ver ninguém!"

Justa e paciente

Dentro do "BBB 20", Rafa conquistou os fãs com sua paciência e seu jeito centrado de ser. Mesmo quando se envolveu em brigas, a ex-sister não desceu do salto e ficou conhecida por sua estabilidade e elegância.

Mas o jeito de Rafa também fez com que ela conquistasse haters.

Quando eu saí [do programa], vi que as pessoas me criticaram por ter controle emocional. Achei ótimo! É sinal de que o que eu venho estudando há tantos anos não foi jogado no lixo. Sou formada em coach. Aquela é a Rafa de verdade. Seria estranho se eu fosse calma aqui fora e lá dentro não.

Missões sob ataque

Desde 2014, Rafa realiza viagens missionárias para Moçambique, na África. Ela é embaixadora de uma ONG, a Missão África, que busca levar ensino de qualidade, alimentação e suporte de saúde a comunidades em situação de vulnerabilidade social.

Mesmo antes de sair do "BBB", Rafa já vinha recebendo críticas sobre o intuito das missões. No Twitter, ela foi criticada por tirar fotos com crianças africanas e supostamente não se importar com causas do Brasil.

As pessoas sempre me criticaram por isso. Mas eu tive a audácia de continuar postando sobre o projeto, mesmo recebendo críticas, porque através disso conseguimos ajudar muitas famílias. Já chegamos R$ 1 milhão em doações. Não faz sentido não influenciar as pessoas a fazerem o bem.

Rafa ainda diz que muitos criticam o fato de seu trabalho humanitário ser voltado para a África e não ao Brasil, mas ela afirma não se importar com os comentários. "Não ligo muito para as críticas. Só fico chateada porque as pessoas que mais falam são as que menos ajudam. Quem faz mesmo não reclama", dispara.

Prêmio doado

Como bonificação pelo segundo lugar no "BBB", Rafa faturou R$ 150 mil. Ela inicialmente tinha planos de usar o dinheiro na ONG Missão África, mas, ao se deparar com o cenário caótico da pandemia em todo o Brasil, escolheu outro destino para o prêmio.

"Os R$ 150 mil foram doados para a organização Ao Vivo pela Vida. Destinei ao combate à fome, algo que aumentou muito neste momento da pandemia."

E o perfume de baleia?

No programa, uma polêmica surgiu em volta do nome de Rafa. Ela supostamente teria contado para as sisters que é dona de um perfume feito a partir de âmbar cinza, substância formada na vesícula biliar da baleia cachalote, espécie ameaçada de extinção. Rafa teria levado o perfume, no valor de R$ 6.000, para dentro da casa mais vigiada do Brasil

Até minha mãe me questionou sobre o tal perfume quando eu saí. Ela falou inconformada: 'Filha, mas como você gastou tudo isso?'.

Rafa, enfim, esclarece a confusão. "Foi uma doideira! Esse perfume não estava no 'BBB'. Nem tenho coragem de gastar tanto num perfume!", brinca. "Comentei de um outro que uso, que não custa tudo isso e que não foi o que eu levei para a casa, e é dele que falaram aqui fora", explica.

Nova Grazi

Rafa lança seu novo canal no YouTube sob comando da Play9, empresa de conteúdo digital de Felipe Neto. A ex-sister espera poder adquirir mais experiência como apresentadora e até entrevistadora com o novo projeto.

Sinto falta de ter contato mais próximo com meu público. Eu gosto muito de apresentar. Quero poder interagir com ex-BBBs, gosto muito do programa, sempre acompanhei, sempre assisti.

Ela também aproveita a quarentena para voltar a estudar teatro, algo que deve ser muito útil para o futuro na Globo. E é claro que as comparações com Grazi Massafera vieram à tona.

"Não me incomoda de jeito nenhum. Eu admiro muito a Grazi, sempre vi uma humildade muito grande nela, é uma mulher de garra. Fico orgulhosa disso."