PUBLICIDADE
Topo

De Férias com o Ex

'De Férias Com Ex': pessoas fora do padrão que poderiam estar no reality

Elenco do De Férias com o Ex Brasil é composto por "tanquinhos" e corpos sarados - Divulgação
Elenco do De Férias com o Ex Brasil é composto por 'tanquinhos' e corpos sarados Imagem: Divulgação

Rafael Godinho

Do UOL, no Rio

09/06/2020 04h00

Fala a verdade: você, viciado em "De Férias com o Ex Brasil", já reparou que normalmente o reality show da MTV (e também disponível no Amazon Prime no UOL Play) só tem padrãozinho. Basta olhar para essa foto aí de cima para ver todo mundo muito parecido. Quando o UOL questionou a MTV sobre ausência de gordos no "De Férias com o Ex Brasil", recebeu a seguinte resposta:

Quando o elenco dos participantes é definido, a ideia principal é priorizar bons personagens que tenham vivências interessantes, personalidades fortes e boas histórias para compartilhar

Se o que importa é vivência interessante, personalidade forte e boas histórias, nós demos uma mãozinha e listamos seis influenciadores que poderiam muito bem estar no reality.

Felipe Campus, modelo, dançarino e influenciador, 35 anos, gay

Um programa tão popular tem, sim, que ter um espaço para pessoas de corpos reais. Além do mais, nós gordos, além de sermos maioria também temos vivências interessantes, personalidade, histórias boas a serem contadas e também temos exes!

primeira vez na vida adulta que pulei na minha cama

Uma publicação compartilhada por maqui no?brega (@maqui.nobrega) em

Maqui Nóbrega, blogueira, 35 anos, bissexual

Em um mundo ideal, isso não deveria nem ser uma questão. Um reality show deveria corresponder à realidade, e pessoas existem de todos os tamanhos, cores e características. Mas tenho certeza que um gordo nunca nem chegaria na fase de entrevistas do 'De Férias Com Ex'. Talvez depois desses questionamentos na internet, eles passem a colocar, mas duvido...

Aiiiii que saudade de fazer show

Uma publicação compartilhada por Leti?cia Pedroza (@leticiapedroza) em

Letícia Pedroza, cantora, 33 anos, heterossexual

Eu sinto falta de reflexos! Eu namorei vários tipos de corpos e cores. Relacionamentos não existem só para pessoas magras. Tenho um ex, por exemplo, que é sarado, tem 1,98m e gostava de mim sendo gorda mesmo. Meu atual namorado é como eu, um gordinho maravilhoso!]

A cantora lembra: pessoas fora dos padrões também se apaixonam, transam e curtem a vida:

Vale a pena lembrar que tem pessoas fora dos padrões que consomem o programa, que realmente é bem divertido, e podem começar a pensar que uma pessoa gorda não merece qualquer tipo de benefício pela sua aparência

VERSACE DEEP WEB @diegolima_fotografia

Uma publicação compartilhada por RaphaLima (@itsraphalima) em

Rapha Lima, DJ e comunicador, 36 anos, heterossexual

Apesar de amar esse tipo de programa, obviamente, é muito legal quebrar esse estereótipo. Não tem que ter padrão nenhum para entrar no reality. Se eles dizem que colocam as pessoas com as melhores histórias, que sejam mais transparentes. História boa todo mundo tem. Tem que botar gordo e gorda também. Nesse último teve um gay. É maravilhoso. Essa representatividade é muito legal para as pessoas se identificarem. É importante!

Maria Rita Ferreira, blogueira, 20 anos, carioca, bissexual

Realmente, em quase todos os realities brasileiros não vejo muitos gordos, negros e estilos alternativos. Sempre é aquele padrão que já estamos acostumados a ver. Com certeza, se tivesse uma variedade maior de pessoas, me interessaria mais por eles. Representatividade importa.

Krishna, 24 anos, creator, heterossexual

O que a MTV entende como 'história boa'? Histórias de pessoas dentro do padrão e que só se relacionam com quem também está dentro do padrão? Tem um monte de história legal aguardando para ser vivida e contada por pessoas que estão fora do padrão de beleza, mas que também vivem, se relacionam, têm amores, dores e exes.

Afinal, todos queremos identificação nas telas, né?

A partir do momento que a emissora escolhe através da estética quais histórias contar, ela perpetua uma narrativa baseada em padrões de beleza, que já não cabe mais na sociedade atual, e faz um programa que ignora a realidade da maioria das pessoas que não, não se identificam com o que está sendo mostrado ali

De Férias com o Ex