PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Príncipe Harry usa 'americanismos' em sua fala e incomoda ingleses

Príncipe Harry e Meghan Markle participaram do evento virtual "Time 100 Talks" - Reprodução
Príncipe Harry e Meghan Markle participaram do evento virtual 'Time 100 Talks' Imagem: Reprodução

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/10/2020 08h59

Sete meses após se mudar para os Estados Unidos, Príncipe Harry incomodou os súditos da família real britânica e a imprensa inglesa ao usar "americanismos". Harry e Meghan Markle participaram nesta terça-feira (20) do 'Time 100 Talks', uma série de discussões virtuais promovida pela revista Time.

Durante a participação o príncipe e a duquesa de Sussex falaram sobre "melhorias de comunidades online". Em sua fala, o caçula do Príncipe Charles usou a expressão "pop the hood" ao invés de "opening the bonnet", ambas significando "abrir o capô". O príncipe fez uso da expressão ao apresentar os outros dois convidados da conversa, o cientista da computação Tristan Harris e o empresário e co-fundador da plataforma Reddit Alexis Ohanian - marido de Serena Williams.

Príncipe Harry e Meghan Markle participam do evento virtual 'Time 100 Talks' - Reprodução - Reprodução
Príncipe Harry e Meghan Markle participam do evento virtual 'Time 100 Talks'
Imagem: Reprodução

Harry disse na apresentação: "Quando você está dirigindo um carro e todas as luzes dele começam a se apagar, você vê fumaça saindo do capô, você não vai continuar dirigindo. Você para. Há alguns anos você iria provavelmente pop the hood [abrir o capô], dar uma olhada e resolver. Mas hoje todos esses carros novos têm peças que você não consegue mexer - é preciso chamar especialistas".

Ele completou seu raciocínio afirmando: "O mundo virtual afeta o mundo. Não está restrito a apenas algumas plataformas ou grupos de redes sociais. Essa é uma crise global. Uma crise global de ódio. Uma crise global de desinformação e uma crise global de saúde. As pessoas com quem conversaremos são as melhores para explicar isso tudo".

Os jornais britânicos Daily Mail, The Sun e Daily Star publicaram matérias lamentando o uso de uma expressão típica do inglês norte-americano por parte do neto da Rainha Elizabeth 2ª durante sua participação no evento virtual.

Matéria do jornal britânico Daily Mail criticando o uso da expressão americana por Príncipe Harry - Reprodução - Reprodução
Matéria do jornal britânico Daily Mail criticando o uso da expressão americana por Príncipe Harry
Imagem: Reprodução

Os espaços de comentários das matérias dos jornais estão repletos de críticas e piadas com o uso da expressão

As três publicações relatam terem entrado em contato com assessores e representantes pessoais de Harry pedindo esclarecimentos em relação ao uso da expressão, mas o príncipe não se pronunciou publicamente até o momento. Ele vive em Los Angeles com a esposa e o filho, Archie, de um ano, desde abril, quando foi oficializada a renúncia dos dois aos seus títulos e cargos na realeza britânica.

Famosos