PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Apresentador da Globo critica Bolsonaro: 'Imoral e quase criminoso'

Flavio Fachel, jornalista da TV Globo - Reprodução/TV Globo
Flavio Fachel, jornalista da TV Globo Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

22/10/2020 10h44

Flávio Fachel, apresentador do "Bom Dia RJ", usou as redes sociais para criticar a fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de que não haverá compra de "vacina da China", se referindo à CoronaVac.

O jornalista escreveu: "Nenhum presidente, seja ele qual for, não tem autoridade suficiente para abrir mão de qualquer vacina para a covid-19, venha ela de onde vier. É imoral e quase criminoso pretender isso."

"Jair Bolsonaro sabia da negociação do ministério para aquisição da vacina chinesa e reagiu por causa da repercussão nas redes sociais", continuou Flávio.

Ainda no assunto da vacina que está sendo desenvolvida pelo Instituto Butantan e pela farmacêutica chinesa Sinovac, o apresentador finalizou: "Bolsonaro governa jogando pra uma torcida cega e ignorante."

Jair Bolsonaro afirmou que o governo brasileiro não comprará doses da CoronaVac. A declaração do presidente desautoriza o anúncio do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que em reunião com governadores informou que o governo compraria 46 milhões de doses do imunizante.

Televisão