PUBLICIDADE
Topo

Vai pegar fila: rainha não terá prioridade para vacina da covid, diz jornal

Rainha Elizabeth 2ª e príncipe Philip não receberão a vacina da covid-19 antes do público geral - Getty Images
Rainha Elizabeth 2ª e príncipe Philip não receberão a vacina da covid-19 antes do público geral Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

06/12/2020 09h54

A rainha Elizabeth 2ª e o marido, príncipe Philip, não terão tratamento preferencial quando se trata da vacina contra o coronavírus.

Segundo o Daily Mail, os dois devem esperar algumas semanas até o Reino Unido abrir a vacinação para pessoas acima de 80 anos, e então "pegar fila" para receber a injeção.

O casal real ainda deve fazer declarações públicas de apoio à vacinação, possivelmente mostrando o momento em que receberão a vacina para a mídia. A ideia é combater a desinformação e ajudar os britânicos a superar quaisquer desconfianças quanto ao tratamento.

Não será a primeira vez que Elizabeth 2ª cumprirá esse papel. Em 1957, ela declarou publicamente que os filhos Charles e Anne haviam recebido a recém-lançada vacina contra a poliomielite, dispersando receios quanto ao remédio.

A equipe da família real ainda está discutindo como o príncipe Charles o príncipe William podem ajudar neste esforço. Os dois devem ser vacinados um pouco mais tarde do que a rainha, quando a campanha se abrir para os maiores de 70 (Charles tem 72 anos) e maiores de 30 (William tem 38).

O governo britânico ainda pretende usar outras celebridades, como a atriz Judi Dench e o documentarista David Attenborough, para promover a vacina.

A rainha Elizabeth 2ª posa junto do filho mais velho, o príncipe Charles, o neto William e o bisneto George - AFP PHOTO/BUCKINGHAM PALACE/RANALD MACKECHNIE - AFP PHOTO/BUCKINGHAM PALACE/RANALD MACKECHNIE
A rainha Elizabeth 2ª posa junto do filho mais velho, o príncipe Charles, o neto William e o bisneto George
Imagem: AFP PHOTO/BUCKINGHAM PALACE/RANALD MACKECHNIE