PUBLICIDADE
Topo

Novelas

Rafael Vitti relembra sucesso em 'Malhação: Sonhos': 'Tomei um susto'

Isabella Santoni e Rafael Vitti, de "Malhação: Sonhos" se abraçam para a foto - AgNews
Isabella Santoni e Rafael Vitti, de 'Malhação: Sonhos' se abraçam para a foto Imagem: AgNews

Do UOL, em São Paulo

20/01/2021 09h50

Rafael Vitti compartilhou memórias de "Malhação: Sonhos", o seu primeiro trabalho na TV, que volta ao ar pela Globo na próxima segunda-feira. O ator disse que "tomou um susto" quando o seu personagem, Pedro, começou a fazer sucesso — especificamente, como metade do casal "Perina", formado por ele e Karina (Isabella Santoni).

Tudo são adaptações, né? Tomei um susto quando a coisa começou a bombar muito, a estourar. Você vê seu nome em matérias, pessoas interessadas em você. Pessoas parando na rua para demonstrar afeto e pedir foto. Enfim, isso foi uma novidade para mim. Acho que lidei de boa, tentei surfar a onda. Naquela época eu tinha uma mentalidade que era um pouco ingênua, mas muito dada, livre."
Rafael Vitti à coluna de Patrícia Kogut

Vitti disse que a química com Santoni foi mais fácil pelo fato dos dois já se conhecerem da faculdade. Os atores chegaram a namorar durante a gravação da novela.

"A gente se conhecia meio de vista da faculdade. Quando soubemos que íamos fazer testes para personagens que seriam parceiros, começamos a conviver e trocar mais. Com certeza, o fato de nós estarmos ali com os mesmos objetivos e vindo do mesmo lugar nos ajudou", disse.

Ele guarda até hoje a memória do primeiro dia de gravação, uma cena externa no Aterro do Flamengo (Rio de Janeiro).

"Eu estava muito nervoso, suando, claro — mas também muito empolgado por ser a primeira vez em que ia atuar com tantos elementos realistas: no ônibus, com figurantes. Até então, minhas experiências tinham sido no teatro, na faculdade. Deu tudo certo", contou.

Amadurecimento

Rafa Vitti e Clara Maria - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Rafa Vitti e Clara Maria
Imagem: Reprodução/Instagram

Hoje em dia, Vitti disse que conheceu melhor o lado mais difícil da fama: "Com o passar do tempo, fui entendendo que não eram só flores essa parte da exposição, mas a gente também aprende a lidar. [...] Estou me adaptando ainda. Tem momentos em que pesa um pouco mais, mas não tanto. Tudo tem seu ônus e bônus".

Hoje, ele é também um marido dedicado (da comediante Tatá Werneck) e um pai coruja (da pequena Clara Maria, de um ano).

[Ao ter filhos], a gente aprende a ter um senso de responsabilidade muito mais aguçado, e aprende na prática mesmo a se doar. É uma vidinha ali, ainda frágil, que vai se desenvolvendo. É uma missão. Acho que a missão mais difícil e a mais bonita e recompensadora que estou vivendo."
Rafael Vitti sobre Clara Maria

"Ela é uma criança que a gente já percebe que é muito determinada com o que quer, para onde quer ir... Ela é decidida e, ao mesmo tempo, não gosta de ser contrariada", contou o ator. "Acho que nenhuma criança gosta quando a gente começa a colocar certos limites que são muito necessários. Amar nosso filho também é colocar limites, orientar".

Novelas