PUBLICIDADE
Topo

"Era violento com a mãe", diz Swellen Sauer, ex-namorada de Nego do Borel

Nego do Borel publicou foto nos Stories - Reprodução/Instagram @negodoborel
Nego do Borel publicou foto nos Stories Imagem: Reprodução/Instagram @negodoborel

Colaboração para o UOL, em São Paulo

01/02/2021 16h34

Swellen Sauer, ex-namorada e ex-assessora de imprensa de Nego do Borel, revelou hoje que o cantor era violento com a própria mãe.

"Quando eu comecei a perceber um comportamento agressivo, não era nem comigo, a princípio. Era com a mãe dentro de casa, a forma como se comportava. Era agressivo no tom de voz, por ser contrariado e bater e jogar as coisas longe e quebrar, agressivo de dar cabeçada em uma porta, era esse nível de agressividade", disse a moça, de 36 anos.

Ao falar sobre os rumores de que o artista teria envolvimento com drogas, ela dissertou. "Eu nunca presenciei nada, embora eu soubesse de algumas coisas. A minha relação com ele era muito profissional, enquanto assessora. Enquanto namorada, eu ficava muito dentro de casa. Eu não era aquela namorada que dá a mão atrás do palco. Nós não morávamos juntos".

"Eu morava em Jacarepaguá e ele ficava muito na minha casa, mas essa questão de drogas, que a gente sabe que pode vir a acontecer, eu não presenciava porque eu não acompanhava", continuou ela, que já tinha ouvido rumores sobre o assunto.

"Algumas pessoas sempre me falavam: 'Suwellen, esse cara não tá puro'".

Aproveitando a oportunidade, Swellen Sauer também falou o lado machista do cantor.

"Ele sempre foi muito machista e eu não entendia isso. Eu era muito apaixonada por ele e achava tudo muito engraçado. [?] Quando eu vejo um vídeo dele com a atual ex-namorada (Duda Reis), a menina dopada na cama e ele pegando o rosto dela com o olho esbugalhado e fazendo umas maluquices, aquilo me doeu tanto, porque eu entendi, naquele momento, que aquilo é ele", pontuou ela, entrevista ao canal de Bruno de Simone.

A assessoria de imprensa do cantor Nego do Borel foi procurada, mas ainda não se manifestou.