PUBLICIDADE
Topo

Duda Reis diz que conseguiu 'se libertar' após fim com Nego do Borel

Duda Reis faz pose para clique nas redes sociais - Reprodução/Instagram
Duda Reis faz pose para clique nas redes sociais Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/04/2021 09h52

Duda Reis descreve seu momento atual como "libertador". Depois do término conturbado de seu noivado com o cantor Nego do Borel, a atriz está vivendo uma nova fase.

"Está sendo libertador, não tenho outra palavra para descrever", diz à Marie Claire. "E está me trazendo muito poder como mulher", acrescenta Duda Reis, em seguida.

Em entrevista para a revista, ela cita o empoderamento como uma forma de mudar o destino das mulheres. "Quando começamos a ler e entender, nos empoderamos muito mais", avalia.

Duda Reis e Nego do Borel anunciaram o fim do relacionamento em dezembro, após três anos juntos. Em janeiro, ela registrou um boletim de ocorrência contra o ex na 1ª DDM (Delegacia de Defesa da Mulher), em São Paulo.

A atriz acusou o cantor de estupro de vulnerável, ameaça, injúria, lesão corporal, violência doméstica e transmissão de HPV (infecção sexualmente transmissível).

Para ela, a primeira sensação após desabafar sobre o relacionamento foi de alívio. "Era um alívio que eu não sentia há anos na minha vida. Era como se eu tivesse tirado uma mochila de pedra das minhas costas."

Quando resolvi falar, eu chorava muito nos vídeos, mas não era nada além de um grande alívio: por estar viva, por estar em casa, por ter me reconectado com a minha família, por estar ajudando outras mulheres."

Após as denúncias, Duda ganhou uma rede de apoio nas redes sociais. "Eu senti demais essa rede de apoio. Na verdade, foi um grito de libertação, que eu precisava demais."

Chega uma hora que não tem mais como você forçar uma coisa que, na verdade, já não existe mais. Você vai adoecendo aos poucos. Foi um grito, e foi através disso que eu consegui me libertar 100%."

A atriz ainda aconselha outras mulheres: "não acredite que a culpa é sua, não se culpe de forma alguma. Alguns estudos mostram que um abusador tem traços de sociopatia e você não tem culpa nisso."

Você não pode salvar alguém, não tem que ser assim. A gente sai de um relacionamento assim acreditando que não merecemos todo o amor do mundo, e é claro que merecemos."

Relembre o caso

De acordo com o BO, a que Splash teve acesso, Duda alegou que foi agredida pela primeira vez em 2018, durante o Carnaval, quando Borel teria apertado seus braços, resultando em lesões.

No mesmo ano, ainda segundo a atriz, o cantor a empurrou e a humilhou em um evento, o que causou outras. O cantor negou todas as acusações e pediu perdão a Duda pelas traições que cometeu ao longo do relacionamento.

Em fevereiro, a jornalista e escritora Swellen Sauer, ex-namorada de Nego do Borel, prestou depoimento na Delegacia de Atendimento à Mulher, na Zona Oeste do Rio, sobre como era o relacionamento com o cantor.

A justiça apura agressões físicas e psicológicas do funkeiro contra suas ex-parceiras. Swellen estava com uma criança pequena nos braços, acompanhada do advogado, e preferiu não falar com a imprensa.

Além dela, a atriz Duda Reis, a influenciadora digital Crislaine Gonçalves e a modelo Julia Schiavi também prestaram depoimentos, que são parte dos desdobramentos das acusações de Duda Reis.