PUBLICIDADE
Topo

Susana Vieira reclama de solteirice na pandemia: 'Produto em falta'

Susana Vieira pretende se mudar para os Estados Unidos em breve - Reprodução/Instagram
Susana Vieira pretende se mudar para os Estados Unidos em breve Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

19/05/2021 09h02

Mais de um ano depois do início da pandemia, Suzana Vieira lamenta não ter entrado na quarentena com um namorado. Aos 78 anos, ela foi direta ao dizer para o jornal O Globo que não precisa ser mais jovem para gostar de sexo.

"Para quem não é importante o amor e o beijo na boca? Mas estou em falta no momento com esse produto", diz aos risos. "Os homens do Brasil só querem a gatinha, e não sei porquê", acrescenta.

Se morasse na França, estaria casada hoje com um pintor ou um escritor conhecidos. Em Ibiza, arrumei um cara que era português e vivia dentro de uma lancha, uma lancha chiquérrima.

"A gama de pessoas para você se apaixonar é muito maior fora do Brasil. Já tive um relacionamento até com um presidente de outro país", entrega a atriz, que ainda confessou não sentir a idade que possui.

"Para mim, a terceira idade começaria com 80 anos. Não pode começar com 60. Tenho 78 anos, e estou no auge para fazer a mulher gostosa, bonita e beijoqueira", conta Suzana Vieira, que já tomou as duas doses da vacina contra a covid-19.

Por outro lado, a atriz, que está sem trabalhos na TV por conta da pandemia, descarta que não ter namorado é uma crise. "A crise, para mim, é uma, meu amor: não ter dinheiro. Crise é não ter trabalho e não ter dinheiro para pagar médico."