PUBLICIDADE
Topo

Ana Hikari espera desculpas de Ana Maria após 'yellowface' no 'Mais Você'

Ana Maria Braga levou integrante usando maquiagem e fazendo preconceito linguístico contra amarelos - Reprodução/TV Globo
Ana Maria Braga levou integrante usando maquiagem e fazendo preconceito linguístico contra amarelos Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

18/06/2021 12h11Atualizada em 18/06/2021 15h19

A ex-atriz de Malhação e primeira protagonista asiática de uma novela, Ana Hikari esperou uma retratação da apresentadora Ana Maria Braga após o programa "Mais Você" de ontem fazer 'yellowface', preconceito linguístico e racismo contra os povos e ascendentes do Leste Asiático.

Ontem, enquanto a repórter Ju Massaoka estava no bairro da Liberdade, em São paulo, Ana Maria mostrou um homem vestido de samurai, segundo ela mesma, e começou a trocar as letras "R" por "L".

Por ser um homem não-amarelo e ocidental, a prática é considerada "yellowface" por colocar alguém que não pertence àquela etnia como representante — além de estereotipar os povos do Leste Asiático.

Ana Hikari perguntou aos seguidores se Ana Maria fez um pedido de desculpas — o programa foi gravado e a apresentadora apenas lembrou que hoje era o Dia da Imigração Japonesa.

To trabalhando, não tô conseguindo acompanhar agora o Mais Você. Me avisem se a Ana Maria Braga se retratar hoje? Hoje é o dia oficial de comemoração da Imigração japonesa. Não dá pra aceitar "homenagens" assim? isso tem outro nome, vocês sabem qual né?

Ano passado, a atriz contou sobre os crescentes ataques racistas contra a população amarela brasileira na pandemia, escancarando a sinofobia — apesar de o primeiro caso ter chegado via um morador de São Paulo que estava na Itália, parte da população associou a origem do vírus com o local de seu primeiro surto, Wuhan, na China.

Além do "yellowface", Ana Maria promoveu o preconceito linguístico ao ironizar a fala com a troca das letras.

Ontem, no Instagram, a apresentadora não se redimiu e postou as fotos do que chamou de "homenagem".

Quanta coisa bonita hoje. Conhecer culturas sem ter que viajar! Falamos sobre quimono, foccacia garden, fomos a liberdade com a Juju. Ô coisa boa!