PUBLICIDADE
Topo

'Coitado': Repórter de Datena chama a atenção do público na busca a Lázaro

O repórter Felipe Garrafa está cobrindo ao vivo as buscas a Lázaro Barbosa - Reprodução/Band
O repórter Felipe Garrafa está cobrindo ao vivo as buscas a Lázaro Barbosa Imagem: Reprodução/Band

Do UOL, em São Paulo

18/06/2021 17h05

As buscas a Lázaro Barbosa, suspeito de matar quatro pessoas, continuam. E a cobertura da perseguição na TV também: o "Brasil Urgente", apresentado por José Luiz Datena, tem se dedicado quase exclusivamente ao caso nesta semana.

Mas o que chamou a atenção do público não foi a apresentação: foi a preocupação com o repórter Felipe Garrafa, que está no local acompanhando a atuação da polícia.

Teve gente que ficou com dó do jornalista: "O Datena está há dias anunciando que a polícia está quase pegando o Lázaro, e o coitado do repórter que tá aparecendo ao vivo, de dentro do mato".

Outros repreenderam o apresentador: "Datena mandando o pobre do homem, o tal do Felipe garrafa entrar pra mata, é mole? Cai pra dentro, disse o irresponsável do Datena".

"Coitado do Garrafa na mão de Datena", disse outra telespectadora no Twitter.

Ontem, o repórter precisou (literalmente) correr atrás de policiais para tentar falar com eles, e o público se divertiu:

Datena também já comentou sobre o peso do jornalista ao pedir para ele atravessar uma cerca de arame:

A atuação de Felipe Garrafa até fez Datena relembrar os seus dias de repórter: "Ainda bem que eu já não sou repórter há muito tempo, ainda bem que eu larguei a carreira. É uma carreira fantástica, talvez seja a função que eu mais gosto na televisão. E eu costumava ser um repórter meio entrão, sabe? Desobediente, não gostava muito de seguir ordens. Aliás, não gosto até agora. Se eu gostasse de seguir ordens, eu entrava nas Forças Armadas".