PUBLICIDADE
Topo

'Salve-se Quem Puder': público celebra primeiro beijo de homem trans na TV

Bernardo de Assis e Juliana Alves em cena de "Salve-se Quem Puder" - Reprodução/TV Globo
Bernardo de Assis e Juliana Alves em cena de "Salve-se Quem Puder" Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

14/07/2021 21h03

O beijo entre os personagens Catatau (Bernardo de Assis) e Renatinha (Juliana Alves) foi assunto entre os fãs da novela "Salve-se Quem Puder". É o primeiro beijo entre um homem trans e uma mulher cisgênero da TV aberta.

"A família tradicional brasileira pira. Só sei sentir orgulho", comentou uma das fãs da trama. "Apenas", escreveu o perfil oficial da TV Globo ao compartilhar as imagens.

A cena mostra Catatau sendo discriminado em um restaurante por ser um homem trans. Após uma discussão, o estagiário é defendido por Renatinha e a beija na sequência. Os dois são aplaudidos por conta da atitude.

A cena também foi comentada pela atriz Vitória Strada, que interpreta a protagonista Kyra na trama escrita por Daniel Ortiz. "Colocar um personagem trans e não resumir ele a isso, mas mostrar a quebra do preconceito. É sobre isso!", opinou.

Em junho, Bernardo de Assis e Juliana Alves comentaram sobre a importância dos personagens da novela em entrevista ao Extra.

"É um casal emblemático. Quando Renatinha assume Catatau para o mundo, não está falando só 'eu estou com ele', mas também 'não importa o que pensem, nós vamos exercer a nossa afetividade'", comentou o ator.

"Assim como esse amor transforma a personagem de caráter duvidoso, outras pessoas podem passar pelo mesmo", afirmou Juliana ao relembrar trajetória de Renatinha em "Salve-se Quem Puder".

O primeiro beijo envolvendo um personagem trans na TV aconteceu em 2019. A novela "A Dona do Pedaço", escrita por Walcyr Carrasco, contou com a cena protagonizada pelos personagens Britney (interpretada pela mulher trans Glamour Garcia) e Abel (Pedro Carvalho) durante o casamento.