PUBLICIDADE
Topo

Ex-coelhinha da Playboy revela ter sofrido com dismorfia corporal

Holly Madison, modelo e ex-coelhinha da Playboy, conta que sofreu com dismorfia corporal no passado - Reprodução/Instagram
Holly Madison, modelo e ex-coelhinha da Playboy, conta que sofreu com dismorfia corporal no passado Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, no Rio

28/07/2021 20h27

A modelo Holly Madison, de 41 anos e ex-coelhinha, revelou ter sofrido com dismorfia corporal, transtorno em que a pessoa tem uma percepção distorcida da própria imagem, nos tempos em que morava na Mansão Playboy.

Em um vídeo publicado no TikTok, Madison relembrou a fase. "Eu estava olhando fotos minhas com a roupa de coelhinha, e me deparei com uma que me lembrou de um momento da minha vida em que eu estava assistindo a um vídeo de mim mesma em um desfile e pensei: 'Meu Deus, preciso perder peso!", contou ela.

"Eu estou compartilhando isso porque acho que pode ajudar pessoas, dismorfia corporal não é algo muito discutido. Eu sinto que me preocupar com isso fez com que eu não fosse tão feliz quanto podia ser e realmente aproveitasse a vida", acrescentou a modelo, que comentou ainda que o seu pensamento era "ridículo" e que ela "parecia um palito".

Madison finalizou dando um conselho aos seguidores: "Eu espero que as pessoas possam tirar um minuto para pensar como ela se sentem sobre os próprios corpos. Não vale a pena se sentir mal sobre você mesmo".

A modelo foi uma das namoradas de Hugh Hefner, o fundador da Playboy — que faleceu aos 91 anos em 2007 de causas naturais —, e morou na famosa mansão até 2008, quando terminou com Hefner.