PUBLICIDADE
Topo

Paranormal que ganhou fama na TV nos anos 80 é suspeito de cárcere privado

Thomaz Green Morton, o "guru das celebridades" - Reprodução / TV Globo
Thomaz Green Morton, o "guru das celebridades" Imagem: Reprodução / TV Globo

Marina Marini

Do UOL, em São Paulo

03/08/2021 17h13

Thomaz Green Morton, homem que ganhou fama na década de 1980 por supostamente entortar talheres com "o poder da mente", foi preso por posse ilegal de arma de fogo em Pouso Alegre (MG).

Procurada pelo UOL via assessoria de imprensa, a Polícia Civil informou que ele foi detido após uma denúncia de que estaria mantendo uma mulher estrangeira em cárcere privado na cidade.

A denúncia foi feita pelo namorado da possível vítima, uma alemã. Ambos vieram ao Brasil para que ela fizesse um tratamento com o suposto médium.

Depois de ir à chácara de Thomaz, a mulher não deu mais notícias. O companheiro, então, acionou a Polícia Militar.

1 - Reprodução / TV Globo - Reprodução / TV Globo
Thomaz Green Morton, o "guru das celebridades"
Imagem: Reprodução / TV Globo

A alemã foi levada ao hospital e uma arma de fogo sem registro foi encontrada no local após as buscas. Com isso, Thomaz foi levado à delegacia e preso em flagrante. Ele pagou uma fiança de R$ 5 mil e foi liberado.

Com relação ao cárcere privado, a suposta vítima já foi ouvida pelo delegado local para dar andamento ao inquérito. No momento, são aguardados procedimentos de perícia, como exame toxicológico, para concluir o caso.

Natural de Pouso Alegre, Thomas ficou famoso como o "homem do Rá". Na época, ele atraiu milhares de pessoas se tornou o "guru das estrelas", tendo proximidade com Gal Costa, Simone, Baby do Brasil, Pepeu Gomes, Rita Lee, Sérgio Reis, Elba Ramalho e outros nomes.