PUBLICIDADE
Topo

Marcelo Adnet mostra samba em homenagem a Paulo Gustavo com Teresa Cristina

Marcelo Adnet foi o convidado do "Papo de Segunda" - Vídeo/Reprodução
Marcelo Adnet foi o convidado do "Papo de Segunda" Imagem: Vídeo/Reprodução

Colaboração para o UOL, em São Paulo

24/08/2021 20h55

Marcelo Adnet, de 39 anos, divulgou hoje o samba escrito por ele e Teresa Cristina, 53, para concorrer na disputa como a música oficial da escola São Clemente, do grupo especial do Rio de Janeiro, em homenagem ao humorista Paulo Gustavo.

Em uma publicação no Instagram, Adnet explicou sobre a letra do samba e a homenagem ao amigo. "Bravo, Paulo Gustavo! Nossa homenagem ao eterno gênio da Comédia e do afeto. O samba começa com Dona Dea, mãe das mães, dedicando todo carinho ao filho que responde no refrão do meio para que ela agite seu gurufim - uma festa promovida pelos sambistas 90 dias após a partida de alguém querido", disse ele.

Ele continua afirmando sobre a letra do samba e diz que, em um trecho, há a oração de São Francisco, que Paulo "sempre amou". "É aqui adaptada para ele - o homem que leva esperança para panela vazia enchendo o Brasil de alegria. Paulo vê 'Beyonces' na escola - as tantas pretas lindas vestindo amarelo no desfile. Na grande tela do cinema uma nova era já raiou, prenunciada por um beijo de amor em Thales. Que as crianças sejam o futuro do Brasil: livre, amoroso, pronto para amar! Viva Paulo Gustavo!", contou Adnet.

Nos comentários, a atriz Samantha Schmutz elogiou o samba e disse que é "lindo", enquanto Fernanda Paes Leme disse que estava emocionada. "Aos prantos aqui", afirmou.

Danielle Winits também deixou uma mensagem após ouvir o samba. "Que presente. Paulo Gustavo presente", escreveu a atriz. Leticia Lima disse que ficou emocionada. "Fiquei emocionada!!! Que coisa mais linda", disse. Ivete Sangalo disse que estava chorando e agradeceu ao Adnet.

Alexandre Nero também não aguentou e disse que ficou emocionado. "Ficou lindo. Emocionei", contou o ator.

Após a morte do humorista em 4 de maio em decorrência das complicações da covid-19, a escola de samba do Rio de Janeiro decidiu mudar o enredo para homenagear Paulo Gustavo no Carnaval de 2022.