PUBLICIDADE
Topo

Ex-atriz pornô critica indústria do sexo: 'Cenas cansativas e forçadas'

Vanessa Danieli deixou a indústria pornô e investe na carreira de youtuber - Reprodução/Instagram
Vanessa Danieli deixou a indústria pornô e investe na carreira de youtuber Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/09/2021 18h31Atualizada em 03/09/2021 00h19

Cansada da rotina cansativa e humilhante como atriz pornô, Vanessa Danieli deixou a indústria dos filmes adultos para investir na carreira como analista de marketing de influência e youtuber do segmento geek. Hoje, cinco anos após a mudança de vida, ela se diz arrependida da decisão que visava lhe dar uma independência financeira e prepara o lançamento de um livro autobiográfico para relatar sua história de vida.

Até hoje sou crucificada por ter sido atriz pornô. Até hoje lido com haters, comentários maldosos e preconceito. Mas tudo isso não me abala, sigo firme nos meus propósitos, investindo na minha carreira e vivendo uma fase bem diferente. declarou Vanessa Danieli.

Aos 21 anos, ela começou a carreira na indústria de filmes adultos em razão da necessidade de dinheiro pela falta de apoio de seus familiares. Com a medida, ela precisou abandonar o sonho de se formar na faculdade e seguir a vida como atriz pornô.

Entrei por necessidade e me arrependo muito. Tudo ali no set não era montado como prometido, era caseiro, sem uma cópia do contrato, cenas cansativas e muito forçadas, tudo era sofrimento, foi uma fase bem difícil. Tenho traumas até hoje. A ideia do livro surgiu justamente para alertar outras mulheres.

Vanessa Danieli deixou a indústria pornô e investe na carreira de youtuber - Divulgação - Divulgação
Vanessa Danieli deixou a indústria pornô e investe na carreira de youtuber
Imagem: Divulgação

Apesar de ter conseguido ganhar dinheiro, Vanessa revelou que a rotina cansativa de gravações e humilhações vividas dentro do set de filmagem eram pesadas. Assim, em 2016, ela decidiu mudar de carreira e abriu um canal no Youtube, o "Barbaridade Nerd", para tentar ganhar a vida falando de hobbys e geeks. Ela, porém, segue sendo alvo de ataques de haters na internet pelo seu passado como atriz pornô.

"Mesmo assim sou criticada. Primeiro eu era alvo porque tinha entrado no pornô, depois porque sai e não tinha direito a uma vida digna, a uma vida 'normal', como por exemplo casar, ter uma família e um outro trabalho. As pessoas são cruéis e hipócritas. Hoje, eu faço tratamento psiquiátrico para não pirar, essa coisa de fazer parte do pornô é pesado e gera muitas frustrações, pois as pessoas glamorizam a pornografia e não pensam em trafico e exploração sexual. Pensei em suicídio muitas vezes por não aguentar a pressão", desabafou.

No ano seguinte a mudança de vida, Vanessa Danieli começou a namorar e conseguiu entrar no curso de marketing para realizar o sonho de se formar. Hoje, ela é casada e dedica o seu tempo a família e a uma agência de publicidade, além de criar conteúdo para suas redes sociais, onde fala sobre o mundo geek e prática o ativismo sobre sua história de superação.

Hoje sou contra os filmes adultos porque são prejudiciais de diferentes formas, como interferir na autoestima das pessoas, interferir nas primeiras relações de meninos e meninas que começam a namorar. A indústria mostra uma situação distorcida, o sexo deixa de ser algo saudável.

Disposta a esquecer sua trajetória como atriz, Vanessa irá lançar um livro ainda em 2021 como alerta sobre a indústria pornô, revelando bastidores e frustrações de atrizes novatas. Ela também falará dos dramas de sua adolescência e os caminhos que trilhou para se lançar como youtuber

"No meu livro vou contar minha história e mostrar meus dramas. Acredito que falando das minhas experiências, posso salvar vidas e dar sentido a outras, sempre com o intuito de atingir o que é feito e não quem o faz, os homens e mulheres que trabalham com sexo não tem culpa da industria ser como é, eles fazem como mandam os "produtores", para receber o cachê que precisam, as pessoas precisam parar de julgar quem faz a pornografia e começar a olhar mais para os malefícios que ela traz para a vida de cada um. O livro faz parte da minha superação, quero que o mundo conheça minha história", finalizou.