PUBLICIDADE
Topo

Famosos e fãs lamentam morte de Sérgio Mamberti, aos 82 anos

Colaboração para o UOL, em São Paulo

03/09/2021 08h36Atualizada em 03/09/2021 12h26

Famosos e fãs de Sérgio Mamberti lamentaram a morte do eterno Doutor Victor, do "Castelo Rá-Tim-Bum" nas redes sociais. O ator morreu na madrugada de hoje, aos 82 anos. Ele estava intubado desde o último sábado para cuidar de uma infecção nos pulmões. A causa da morte foi falência múltipla dos órgãos, de acordo com o filho.

Cassio Scapin, o Nino do seriado infantil, publicou uma foto com os personagens e o Doutor Vitor.

Hoje partiu o nosso Tio Vitor. Um homem, um artista que lutou pelo progresso e desenvolvimento da nação brasileira, com as armas que tinha, a cultura e a arte! Fará imensa falta a sua força! Nosso coração doido se despede com muita dor e uma grande salva de palmas! Bravos meu querido! Cassio Scapin

Luciano Amaral, o Pedro de "Castelo Rá-Tim-Bum" lamentou citando referências aos bordões do programa da TV Cultura.

Descanse e brinque aí nas estrelas, Dr. Victor. Tenho certeza que você será muito bem recepcionado pelo Etevaldo, pelo Mau e pelo Porteiro. Luciano Amaral

Boninho se referiu a morte sugerindo que a causa foi de covid-19. Contudo, a informação oficial dos filhos é que houve falência múltipla dos órgãos após ser internado para tratar uma infecção no pulmão.

A atriz Elisa Lucinda afirmou que foi o ator quem a alcunhou de "incendiária" as obras poéticas dela lá no início da carreira.

No Twitter, o nome do ator amanheceu entre os assuntos mais comentados no país. Por lá, o comediante Marcelo Adnet agradeceu os ensinamentos de Mamberti: "Vai fazer muita falta este grandessíssimo ator! Obrigado Sérgio Mamberti!", lamentou.

Já Tatá Werneck lembrou de trabalhos que fez com os filhos de Mamberti. "Igualmente incríveis e adoráveis"

Um beijo imenso em vocês. Linda a história de seu pai. Tatá Werneck

Heloisa Périssé escreveu: "Sextou hoje de forma triste, mas ao mesmo tempo com muita gratidão no coração por essa vida que tanto iluminou nossas vidas!"

Lilia Cabral postou um texto em homenagem ao amigo com referências à atuação política dele: "Você, um grande defensor do nosso ofício, eu sei que onde você estiver, estará iluminando a Cultura desse país, e Serginho, vai passar!!"

Sérgio Mamberti, que foi filiado ao Partidos dos Trabalhadores (PT), e ocupou diversos cargos dentro do Ministério da Cultura durante o Governo Lula, recebeu homenagem do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad:

No cenário político, outras figuras lamentaram a morte. O ex-ministro Alexandre Padilha chamou Sérgio de irmão e citou uma última conversa com ele. Na foto publicada, Padilha e o ator estão ao lado do ex-presidente do Uruguai Pepe Mujica.

Vá em paz, meu irmão Serginho Mamberti. Nunca esquecerei suas últimas palavras quando fui visitá-lo no hospital. Foi muito bom conviver, andar, sonhar e militar ao seu lado. Nós faremos o Brasil sorrir de novo, Serginho. Fique de olho! Mamberti, presente! Alexandre Padilha

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva emitiu uma nota de pesar:

Sérgio Mamberti foi um dos maiores atores da história do Brasil, além de escritor e diretor, um homem de teatro completo, e um ser humano de coração e generosidade imensas, sempre disposto a ajudar e lutar pela democracia, pela cultura, pelas causas sociais, a fazer o bem ao próximo. A sua contribuição para a cultura brasileira nos palcos, no cinema, na TV, na Funarte e no Ministério da Cultura, na construção de políticas públicas para as artes nacionais é imensa. Se o povo brasileiro o admirava pelo seu talento, quem o conhecia de perto o admirava pela sua humildade, carinho e inteligência.

Ciro Gomes também deixou sua homenagem:

Gleis Hoffmann, Deputada federal pelo Estado do Paraná e Presidenta nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), compartilhou uma imagem com o ator, ao lado de uma homenagem.