PUBLICIDADE
Topo

Globo lança série sobre representação LGBTQIA+ nas novelas

Felix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso) deram o primeiro beijo em uma novela da Globo em "Amor à Vida" - Reprodução: TV Globo
Felix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso) deram o primeiro beijo em uma novela da Globo em "Amor à Vida" Imagem: Reprodução: TV Globo

Colaboração para o UOL, em Alagoas

11/10/2021 18h02

A plataforma de streaming Globolay lançou hoje a série documental "Orgulho Além da Tela", que, ao longo de três episódios, faz um retrospecto sobre a representação da comunidade LGBTQIA+ nas telenovelas do país, com foco nas próprias produções da TV Globo.

Em entrevista ao Gshow, a diretora da série, Antonia Prado, contou que foi feito um recorte "em cima de personagens que tiveram mais espaço dentro das novelas e que foram importantes para criar um diálogo com a sociedade".

No total, "Orgulho Além da Tele" entrevistou 50 pessoas, como a atriz Fernanda Montenegro, e a autora Gloria Perez, além de "personagens da vida real" para falar sobre a representação dessas histórias nas telinhas "e o reflexo deles na sociedade", pontuou o redator do projeto, Lalo Homrich.

Entre os autores selecionados estão grandes nomes da teledramaturgia nacional, como Walcyr Carrasco, Gilberto Braga, Manoel Carlos e Aguinaldo Silva.

A série documental começa a partir do personagem Rodolfo Augusto, interpretado pelo ator Ary Fontoura em "Assim na Terra como no Céu", passando por Clara (Alinne Moraes) e Rafaela (Paula Picarelli) em "Mulheres Apaixonadas", até tramas mais recentes, como o Félix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso) de "Amor à Vida", responsáveis pelo primeiro beijo gay em uma novela da emissora, e personagens que marcaram ao abordar questões de identidade de gênero, como Ivan (Carol Duarte), em "A Força do Querer".