Topo

"Meu pai melhorou com a minha chegada", diz Alan, desistente do "BBB16"

Reprodução/TV Globo
Alan deixou o "BBB16" por conta dos problemas de saúde de seu pai Imagem: Reprodução/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

16/02/2016 11h06

Alan, que deixou o “BBB16” por conta do estado de saúde do seu pai, contou que ele melhorou desde sua saída do reality-show e revelou que a doença dele foi causada pelo tabagismo.

“Meu pai está melhor, melhorou com a minha chegada, acho que ele estava precisando de mim”, contou o ex-brother nesta terça-feira (16), no “Encontro”. “Foi um problema que era 50% emoção, 50% físico. Ele contraiu uma doença forte, difícil de tratar, mas o emocional, o psicológico, muitas vezes é responsável pela melhora. E meu pai estava com o emocional esfacelado, minha mãe sozinha não estava conseguindo fornecer esse suporte integralmente. E ele realmente precisou de mim, pediu a minha presença. Eu não tinha como negar. Eu não tive escolha”.

O doutor em filosofia afirmou que foi difícil tomar a decisão de deixar o reality. “A decisão mais difícil da minha vida foi tomada no confessionário. Sinto que estava indo bem, seguindo meus preceitos, tentando seguir meu caráter que ele próprio, meu pai, me ensinou, mas não teve como. Foi destruidor, estava numa manha feliz, a Ju tinha ganhado o líder, estava saindo do foco das votações”.

Alan aproveitou sua participação para manifestar sua torcida por Daniel, que disputa o paredão desta terça-feira com Ronan. "Eu sou Daniel fã clube. Essa camisa foi ele que me deu. Torço por ele e acredito que ele irá ficar. São laços verdadeiros".

A participação de Ana Paula, que tem dado o que falar dentro e fora da casa, também foi comentada pelo ex-brother, que disse que se deu bem com a mineira. "Olha, o que eu percebi é que ela é cartunesca, é uma espécie de vilã da Disney. Ela é um grito, uma pancada. Mas me dei bem com a Ana, ela é divertida, é simpática. A confusão que presenciei foi com o Laércio, que já mostrou um lado explosivo, misturado com álcool e nitroglicerina". 

A desistência

Alan deixou a casa no último dia 5, após ouvir da produção do programa as notícias sobre o estado de saúde de seu pai. "Estou desistindo do programa 'BBB16' devido a motivos de saúde do meu pai, que está em estado grave em Natal. Eu realmente não posso dar as costas a isso. Ele é meu pai, eu preciso estar do lado dele. Ele pode ir embora e eu preciso vê-lo", disse Alan no confessionário, no momento em que avisou a produção do programa sobre sua desistência", disse o brother no confessionário.

Os espectadores que acompanharam a cena ao vivo pelo pay-per-view viram apenas que o doutor em filosofia foi chamado pela produção do "BBB16" ao confessionário. O brother não voltou a aparecer na casa após o ocorrido e os demais participantes foram instruídos a recolher os pertences dele. Os colegas ficaram abalados com a saída do doutor em filosofia, e Daniel chorou.

No mesmo dia, o apresentador Pedro Bial explicou a desistência de Alan aos brothers: "O Alan foi informado sobre o estado de saúde de seu pai e decidiu que era melhor se juntar à família, que precisa dele agora. Ninguém morreu. Não darei mais detalhes, porque uma das regras do "BBB16" é o desconhecimento do que está acontecendo aqui fora durante o confinamento."

A Globo informou que Alan não seria substituído, e a produção optou por realizar um paredão falso para manter o número adequado de participantes na casa. Indicados do líder e da casa, respectivamente, Ana Paula e Ronan disputaram a chance de ganhar imunidade e passar dois dias acompanhando tudo o que acontecia fora da casa. A mineira foi a vencedora, com 74% dos votos.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!