Topo

Família "blinda" mãe de Ayrton após acusações de assédio ao filho no "BBB"

Reprodução/Globoplay
Ayrton conversa com os brothers sobre selinho Imagem: Reprodução/Globoplay

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

27/01/2018 04h00

Paulo Júnior, sobrinho de Ayrton Lima, participante de "Big Brother Brasil 18", afirmou que a família decidiu "blindar" a mãe de 84 anos do brother e mandá-la para a casa de uma familiar na Região dos Lagos, no Rio, sem acesso à internet e ao pay-per-view.

A decisão foi tomada depois que espectadores do programa questionaram nas redes sociais o comportamento do carioca com a filha e acusarem o pai de assédio. O tópico #ForaFamiliaLima ficou nos trending topics (assuntos mais comentados) do Twitter. Por conta disso, a família foi chamada para uma conversa com a produção do reality e o caso foi comentado por Tiago Leifert na quarta.

Segundo Paulo Júnior, dona Eunice chegou a ver alguns desses comentários, chorou e repetia que "o que estavam fazendo com filho dela era injusto". Foi aí que a família pediu para que ela viajasse para o litoral Fluminense.

"A gente tem recebido mensagens ameaçadoras, sofrendo com injúrias, calúnias. Muitas pessoas têm falado: 'A sua família é nojenta, é ridícula, faz suruba'. A minha avó [mãe do Ayrton] estava sofrendo muito com isso", explicou Paulo, em contato com UOL, por telefone.

"Imagina para uma mãe, que acabou de enterrar o outro filho há dois dias, recebendo mensagens ofensivas dizendo que o seu filho é 'pedófilo'?! As mensagens estavam ofendendo a todos da família e não apenas as pessoas que estão dentro do 'BBB'. Essas mensagens estavam afetando muito a ela psicologicamente, estávamos com medo que a minha avó ficasse depressiva", completou ele, referindo-se à morte do pai, Paulo Jorge dos Santos Lima, irmão de Ayrton, no último domingo (21).

Paulo ressalta, assim como já havia feito em uma rede social, que o selinho na boca e o abraço --algo que vem sendo contestado nas redes sociais-- sempre foi um comportamento comum na família. "A gente sempre se tratou dessa forma, de abraçar e beijar. A gente faz isso com o maior respeito, sem maldade alguma", explicou. "O meu tio nunca assediou ninguém e não seria com a filha dele que iria fazer, né?"

Reprodução/Gshow
Família Lima conversa após ser chamada por produção do "BBB18" Imagem: Reprodução/Gshow
 Brother fez pedido antes de entrar no "BBB"

Paulo Jorge dos Santos Lima, de 59 anos, irmão de Ayrton, morreu no último domingo (21) vítima de um choque séptico, causado por uma infecção generalizada. Há dois anos ele lutava contra um câncer no reto.

Antes de entrar na casa do "BBB", segundo o sobrinho, Ayrton havia pedido a um dos irmãos que, caso Paulo Jorge morresse, não o avisassem, apenas depois do reality show, sob a justificativa de que ficaria abalado e desistiria de seu sonho.

Primeira família a entrar no programa, a dos Lima, formada pelos pais Ayrton, 56 anos, Eva, 52, a filha Ana Clara, de 20, e o sobrinho Jorge, 30, participará de uma votação neste domingo e apenas dois integrantes vão continuar no programa.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!