PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Leo Dias


Racha sertanejo: Naiara Azevedo lança mesma música de dupla e gera conflito

Naiara Azevedo e João Bosco & Vinicius provocam racha no sertanejo - Divulgação/Montagem UOL
Naiara Azevedo e João Bosco & Vinicius provocam racha no sertanejo Imagem: Divulgação/Montagem UOL
Leo Dias

Leo Dias é jornalista e diretor-executivo do "TV Fama", da Rede TV!. Foi correspondente internacional da rádio portuguesa RDP, passou pelas TVs Bandeirantes e RedeTV! e apresentou um programa na rádio FM O Dia, líder de audiência no Rio de Janeiro, onde entrevistava políticos, jogadores de futebol, dirigentes e muitos artistas. Assinou uma coluna de celebridades no jornal "O Dia" e também esteve nos jornais "Extra" e nas revistas "Contigo", "Chiques e Famosos", "Amiga" e "Manchete". Apesar dessa experiência, sempre se definiu como repórter, tamanha paixão pela apuração da notícia e pela vontade em produzir conteúdos exclusivos. Polêmico, controverso e dono de uma forte personalidade, Leo conquistou um público cativo por dar notas explosivas e audaciosas num mundo artístico mais conservador. Seu lema: "A fama tem um preço estou aqui para cobrar".

Colunista do UOL

02/04/2020 20h33

O mercado de shows está em pausa por conta do isolamento social, mas os artistas estão a todo vapor com lançamentos na internet, aproveitando a maior visibilidade de músicas e videoclipes neste período, já que todos estão em casa. Porém, nesta onda de lançamentos, uma confusão está formada entre sertanejos. João Bosco & Vinícius lançou na quarta-feira (1) uma versão ao vivo da música "Onde Não Tinha Espaço". Um dia depois, nesta quinta (2), Naiara Azevedo apareceu nas redes lançando do nada a mesma música. Os colegas não gostaram nada da coincidência.

Para a Coluna do Leo Dias, João Bosco & Vinícius enviaram um comunicado, alegando que têm exclusividade na música por um ano - até julho de 2020. Vinícius falou ainda, em declaração exclusiva, e alfinetando Naiara, que a 'honestidade e o respeito vêm sempre em primeiro lugar'.

"Nunca, em toda a nossa história de 26 anos de carreira e quase 20 anos de estrada, gravamos uma música sem as devidas liberações e exclusividade. Aqui é na base do contrato, do preto no branco, do jogo limpo. Fazemos muito bem o nosso dever de casa. A honestidade e o respeito vêm sempre em primeiro lugar", disse o sertanejo à Coluna.

De fato, João Bosco & Vinícius já trabalhavam nesta música antes e já estavam avisando nas redes sociais que lançariam uma nova versão. Já Naiara Azevedo, que vem lançando uma música por dia em seu canal no Youtube, não tinha sequer divulgado que "Onde Não Tinha Espaço" estava na programação. Ela pegou os sertanejos e seus fãs de surpresa com o lançamento.

A Coluna do Leo Dias também procurou Naiara Azevedo buscando um posicionamento. Ela não se pronunciou até a publicação desta nota. Depois da publicação desta nota, nesta sexta-feira (03), a assessoria enviou um comunicado para a Coluna: "A NA Produções Artísticas, escritório responsável pela carreira da cantora Naiara Azevedo, esclarece por meio dessa nota o mal entendido acontecido na noite de ontem (02) com a música "Onde Não Tinha Espaço". Naiara foi acusada de não ter liberação para gravar uma música que tinha contrato de exclusividade com outra dupla sertaneja. O empresário da cantora, Rafael Cabral, possui a liberação da faixa desde março de 2018. Em seu DVD gravado no final de 2019, Naiara gravou a música e, por meio de sua gravadora Som livre, confirma o recebimento da autorização da obra "Não Tinha Espaço" para lançamento em todas as plataformas digitais. A obra é composta pelos autores Elvis Elan (50%) e Henrique Casttro (50%), representados pela editora BLACKOUT e MB NUNES respectivamente. Naiara Azevedo reitera seu compromisso com a verdade e a clareza dos fatos. Não faz parte da conduta da cantora gravar e/ou lançar uma música sem sua devida liberação."

Não é a primeira vez que Naiara Azevedo passa por esse tipo de acusação. Em outubro de 2019, a cantora também foi alvo de críticas de internautas após lançar a música "Manda Áudio", do grupo brasiliense Di Propósito, que gravou originalmente a música. Na ocasião, ela disse: "Não roubei, paguei."

'Situação constrangedora'

Apesar de não ter falado com a Coluna do Leo Dias quando procurada, Naiara azevedo se manifestou do assunto no Twitter.

"Fiquei muito surpresa com a manifestação de vocês. Nós, artistas sertanejos, somos todos amigos, e inclusive sou uma grande fã e talvez por isso tenha achado desnecessário a atitude, pois ao meu ver o correto seria entrar em contato comigo ou com meu escritório", disse ela.

A dupla respondeu: "o respeito é reciproco, porém surpresa maior foi a nossa, ao lançar uma música ONTEM com EXCLUSIVIDADE de 1 ano paga, e sermos colocados nessa situação constrangedora."

E a sertaneja continuou: "Fiquei muito decepcionada com o fato de não terem averiguado os fatos antes de soltarem isso de maneira extremamente pejorativa, pois poderíamos ter esclarecido tudo de uma melhor forma. No mais, continuo respeitando e sendo fã da dupla. Beijos."

Ela ainda postou: " eu também tinha uma liberação dessa música. Eu explicaria tudo para vocês sem nenhum problema, pq não agi hora nenhuma de maneira errada. Eu respeito muito os autores, jamais soltaria algo sem liberação, não é da minha conduta e muito menos da minha gravadora na qual faço parte a mais de 4 anos. Não é a minha música de trabalho, então não quis pegar a exclusividade dessa música, mas tenho sim a liberação dela."

Veja o comunicado completo de João Bosco & Vinícius:

Na manhã de ontem, quarta-feira (1), João Bosco & Vinícius lançaram a versão ao vivo da música "Onde Não Tinha Espaço".

O single faz parte do repertório da dupla desde 2018, quando foi inserida no álbum digital "Do Nosso Jeito" e posteriormente regravada no DVD "Ao Vivo Em Goiânia" - registrado em outubro de 2019.

Desde o dia 25 de março, a equipe responsável pelo digital de João Bosco & Vinícius iniciou um processo de divulgação deste lançamento, haja visto nos perfis oficiais nas redes sociais.

A exclusividade de gravação da música, com duração de 1 ano, foi obtida por João Bosco & Vinícius no dia 23 de julho de 2019.

*Com reportagem de Lucas Pasin

Leo Dias