Topo

TV e Famosos


Sete vezes em que Aguinaldo Silva rebateu críticas de "O Sétimo Guardião"

Aguinaldo Silva com um dos gatos que interpreta Leon na novela - Arquivo Pessoal
Aguinaldo Silva com um dos gatos que interpreta Leon na novela Imagem: Arquivo Pessoal

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

21/04/2019 04h00

"O Sétimo Guardião" já está em sua reta final. Enquanto isso, em Portugal, Aguinaldo Silva divide seu tempo entre escrever os últimos capítulos da novela que termina no dia 17 de maio e em mandar indiretas nas redes sociais sobre as críticas que recebeu da trama das nove de realismo fantástico.

A novela já começou com polêmica: o escritor Silvio Cerceau enviou à Justiça uma petição pedindo a inclusão da TV Globo no processo, em que solicita o reconhecimento como coautor de "O Sétimo Guardião". Ex-aluno de Aguinaldo Silva, Cerceau alegou que "O Sétimo Guardião" foi elaborada durante um curso ministrado pelo novelista em 2015.

Problemas pessoais de parte do elenco também atrapalharam o desenrolar da trama: José Loreto se separou de Débora Nascimento, e Mariana Ruy Barbosa teve seu nome envolvido na polêmica. Bruno Gagliasso precisou se afastar por um tempo por um de problema de saúde. E, nos bastidores, alguns atores, insatisfeitos com os rumos dos seus personagens, pediram para morrer em cena, como tem acontecido com os guardiões.

"A nuvem escura vem com tudo atrás de mim. Mas eu, aqui na frente, sou mais rápido e sempre escapo. Embora, por via das dúvidas, não largue o guarda-chuva", escreveu o autor, ao postar uma foto em um dia nublado em Lisboa.

No último dia 9, Aguinaldo falou que tem trabalhado duro. "Ando sem palavras. Acho que gastei quase todas em 'O Sétimo Guardião' e estou economizando nas que restaram. Afinal, até agora foram escritas 6.000 páginas... E ainda faltam 440!".

De acordo com o colunista do UOL Ricardo Feltrin, a Globo convocou os atores, em março, para uma reunião numa espécie de agradecimento e pedido de desculpas da emissora a todo o elenco, que foi bastante elogiado por seu empenho diante de um trabalho com tantos "percalços". A direção da Globo disse que compreendia que muitos ali na sala (e fora dela) estavam frustrados com os rumos de seus personagens na trama.

Em março, Aguinaldo usou o Facebook e desabafou sobre os ataques por causa da novela. "Tenho 75 anos hoje. E não me venham deitar regras sobre bullying, eu sei como ele é, conheço as várias maneiras através das quais é cruelmente exercido. Por isso afirmo aqui com todas as letras: isso que estou sofrendo agora é bullying", escreveu ele em um trecho.

Veja os desabafos do autor no Twitter para as críticas que tem recebido:

Faltou beijo

Cena espetacular

O autor quis

Novela grande

Pelos polêmicos

"Prefiro a morte"

Zé Mané

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

TV e Famosos