PUBLICIDADE
Topo

Susto, revolta e especulações: a quarta-feira do BBB 20

Brothers conferem telão da sala do BBB 20 - Reprodução/Globoplay
Brothers conferem telão da sala do BBB 20 Imagem: Reprodução/Globoplay

Colaboração para o UOL, em São Paulo

15/04/2020 20h03

A quarta-feira do BBB 20 já começou com um susto para os brothers. Na madrugada de hoje, os participantes, que não foram oficialmente avisados que o programa ganhou mais alguns dias, se surpreenderam ao descobrir que a final não será mais no dia 23 de abril.

Após passarem um tempo conversando, os confinados voltaram para a sala e se surpreenderam com o telão, que já mostrava a nova data da final do reality, 27 de abril. "Na expectativa que a gente está, é maldade com a gente. Parece que volta dois meses, não se faz isso com quem está confinado, mexe com a nossa saúde mental", reclamou Manu.

"Deve ser trollagem com a gente, não é possível", concordou Thelma. Babu apontou que a data modificada deve ser um problema de algoritmo do telão e os brothers passaram um bom tempo olhando para a tela e criando teorias.

Pouco depois, Manu se revoltou e disse que o programa não pode fazer isso sem avisá-los. "Não está tudo bem, explica o que está acontecendo se mudou algo, sabe? Eles têm que avisar, não deixar a gente louco. Estamos nos esforçando para sobreviver, mas desse jeito vai ficar difícil. A gente está perdendo o controle, não sei mais o que está acontecendo. Não existe erro, existe uma agenda, não se muda do nada isso", reclamou Manu, chocada.

"No contrato diz que o programa pode ir até dia 29. Estou preocupada real, deve ter acontecido alguma coisa lá fora. Fiquei triste com isso agora, já estava na expectativa", concordou Ivy. Thelma relembrou os colegas que já sabia que a final seria dia 23 muito antes de entrar na casa, e Manu afirmou que não sabe mais no que pensar. "Amiga, estou até com enjoo. Não sei o que fazer", disse a cantora.

Já quase de manhã, no quarto céu, Ivy propôs rindo: "Já sei, a gente faz assim, se revolta, vamos falar que não faremos a prova do líder se não falarem o que está acontecendo". Mari e Manu concordaram e ampliaram o plano. "Vai ficar conhecida como a revolução do número", completou a baiana. Ivy continuou rindo e disse que Tiago Leifert colocaria todos no paredão como vingança.

Manu conversa com sisters no quarto céu - Reprodução/Globoplay - Reprodução/Globoplay
Imagem: Reprodução/Globoplay

A mineira afirmou que não vê problema na mudança da data da final, mas que a produção precisa avisar a casa o mais rápido possível: "Se eles aumentam mais ainda eu aperto o confessionário, fico louca. Se o Tiago avisar, beleza, o problema é não falar nada". "O psicológico da gente fica muito frágil no fim do programa, então nos apegamos a pequenas coisas, como a contagem regressiva. Isso tira a única coisa que a gente sabia, nos deixa desprotegidos mentalmente", respondeu Manu.

Sonhos

Falando sobre as medidas de segurança adotadas pela produção do programa devido a pandemia de coronavírus, Manu confessou para Babu que está assustada com a situação, e contou ao ator que está tendo sonhos sobre o possível cenário caótico.

Manu em papo com Babu na cozinha VIP - Reprodução/Globoplay - Reprodução/Globoplay
Imagem: Reprodução/Globoplay

"Estou um pouco assustada, tive um sonho no qual as pessoas trabalhavam de máscara, limpando o tempo inteiro a mão com álcool. O sonho me assustou. Mas é aquilo, claro que pode ser preventivo e pode não estar o caos que a gente pode imaginar, mas quando foi que existiu uma situação rigorosa dessa forma?", especulou Manu.

"Várias vezes, mas os órgãos competentes que não fizeram isso antes. Mas não tem como saber. O H1N1 era tão nocivo quanto, e essas medidas não foram adotadas e deu ruim. Minha família é neurótica, tenho certeza que estão tomando todos os cuidados possíveis", respondeu Babu.

Papo com Wilson, a almofada

Wilson, a almofada do BBB 20, ganhou mais uma companhia hoje. Com os brothers dormindo, Rafa contou sua vida para o objeto, que ganhou esse apelido de Babu - isolado, o ator deu o mesmo nome da bola de vôlei que acompanha Tom Hanks no filme Náufrago (2000) à almofada, com quem bate longos papos e chora quando volta do paredão.

BBB 20: Rafa conversa com almofada de Babu - Reprodução/Globo - Reprodução/Globo
Imagem: Reprodução/Globo

A influenciadora contou desde a infância, citando as cidades em que já morou. "Meus pais pareciam ciganos, viviam mudando de casa. Eles se separaram quando eu tinha 12 anos e fomos morar em Uberlândia (MG). Com 14 anos mudei para São Paulo, fiquei até os 19. Não deu muito certo, foi muito difícil, voltei para Minas bem mal. Foi quando tudo aconteceu, parei de lutar e deixei Deus guiar. Ele fez tudo certinho e por isso hoje estou aqui", relatou.

"Estou com saudade dos meus amigos. Mas dá para esperar mais dez dias. Sou uma amiga diferente, sabe? Eu sumo, não falo muito, mas sou muito leal. Eu mato e morro pelos meus amigos, só tenho uma forma diferente de demonstrar afeto", garantiu a Wilson.

Agradecimentos

Babu agradeceu no raio-x de hoje por ter sobrevivido a seu oitavo paredão. O ator escapou mais uma vez de ser eliminado ontem, na disputa em que Gizelly recebeu 54,79% dos votos e ele, 41,33% - Mari, que também havia sido indicada, teve apenas 3,88% dos votos.

BBB 20: Babu agradece no raio-x e diz que deu planta para todas - Reprodução/Globo - Reprodução/Globo
Imagem: Reprodução/Globo

"Muito obrigado, Brasil. Meu objetivo ainda é ganhar R$ 1,5 milhão, quero muito ganhar, mas o que está acontecendo já é um prêmio. São oito paredões e graças a vocês estou aqui ainda. Me levem para a final, por favor. Vou fazer de tudo para pegar esse líder e minha torcida ficar mais tranquila, mas, se não acontecer, o funil está muito estreito", disse.

Em seguida, ele distribuiu emojis de planta a todas as sisters no "queridômetro". "Estão dormindo muito. Vou dar planta para todo mundo hoje, ver se dá uma agitada na galera", divertiu-se, avisando depois na sala para elas o que tinha feito.

Mari também agradeceu durante seu depoimento matinal. A baiana acordou radiante por ter continuado no programa e agradeceu aos fãs. "Estou aqui ainda, extremamente feliz e muito grata. Obrigado, Brasil, Deus! Não sei como agradecer a todos vocês que torceram e se dedicaram para eu estar aqui ainda. Estou entre as seis pessoas no final. Meu coração está cheio de gratidão, muito obrigada de verdade por deixarem eu ficar aqui. Queria abraçar vocês agora!", disse.

BBB 20: Mari comemora permanência - Reprodução/Globo - Reprodução/Globo
Imagem: Reprodução/Globo

Alerta

Ivy e Mari conversaram no quarto céu sobre os emojis do queridômetro, a baiana observou que Thelma não tem dado coração para todos os confinados. "Queridômetro indica coisas. Todo mundo está com coração a mais, menos eu e você", disse a influenciadora digital.

"Mas se for paredão... A Rafa, por exemplo, não vota no Babu, ela dá coração para nós, mas não vota nele. Dei coração para a Thelma, mas voto nela. É de sentimento", respondeu a modelo.

BBB 20 - Sister perdeu mais uma aliada no paredão de ontem - Reprodução/Globoplay - Reprodução/Globoplay
Imagem: Reprodução/Globoplay

"Esse queridômetro diz muita coisa...", repetiu a baiana. "Amiga, se não pegarmos esse líder, estamos no paredão", afirmou a mineira. "A gente já sabe", concordou Mari.

Brincadeira

Na área externa, enquanto a maioria dormia, o Babu foi irreverente ao explicar sua decisão de dar 'planta' no queridômetro de hoje para todas as sisters. "Viu porque eu dei planta para todo mundo hoje?", comentou o ator para Mari. "Porque o pessoal está dormindo né?", perguntou a influenciadora digital. "Não é planta, é flor. Já expliquei para vocês", disse ele. "Amanhã vou ter que dar planta para geral.", falou Mari.

BBB 20: Babu se diverte falando da planta que deu às sisters - Reprodução/Globo - Reprodução/Globo
Imagem: Reprodução/Globo

"É uma flor, espera para florescer a rosa", continuou ele. "Sua cara nem arde, viu, Babu?", comentou ela."É uma rosa. Gente, tem que saber interpretar os emojis", respondeu o ator. "Babu, Babu..", disse Mari. "Eu pedi uma rosa, ninguém me deu. Brasil, olha a injustiça", divertiu-se Babu, enquanto fumava.

Conversa

Manu e Thelma fizeram especulações sobre a reta final do programa no quarto do líder. Durante o papo, as sisters conversaram sobre o que poderia acontecer se o big fone tocasse nos próximos dias.

"Se fosse para tocar, como nada aconteceu hoje a noite, de prova nem nada, eu imaginei....", opinou Thelma. "Faz sentido seu pensamento", concordou a cantora. A anestesiologista continuou: "Só que ao mesmo tempo dá super medo, do tipo: 'O que vai ser? Uma coisa positiva ou negativa?' Mas nessa altura do campeonato, em que você tem uma chance em cinco..."

BBB 20 - Manu conversa com Thelma no quarto do líder - Reprodução/Globoplay - Reprodução/Globoplay
Imagem: Reprodução/Globoplay

"Eu acho que seria positivo, nessa altura do campeonato nem cabe tanta gente em um paredão", opinou Manu. "Ou mesmo se for negativo, uma coisa é você atender um big fone que te indique ao paredão lá atrás quando você ainda tem uma chance baixíssima de ir, outra coisa é você arriscar agora, sabendo que pode ir para o paredão, talvez podendo levar alguém com você ou...", avaliou a passista.

"Eu acho que tem mais chance de ser positivo nessa altura do jogo, porque todo mundo está se matando para conseguir qualquer coisa, praticamente a casa inteira está no paredão. É um momento do jogo de salve-se quem puder, o big fone cumpriria a função de ajudar alguém", respondeu a cantora.

Pedido

Na tarde de hoje, os participantes foram confinados na área externa. Os brothers especularam sobre o motivo da manutenção interna e Manu fez um apelo à produção do programa. "Eu só queria um livro, um filme, qualquer migalha de cultura", pediu a sister. "Sabe o que poderia ter? Uma apresentação das músicas do Cor púrpura", sugeriu Babu.

Manu se animou com a possibilidade e implorou: "Sim! Uma peça de teatro musical. Eu sei que isso é difícil, então qualquer migalha de cultura. Livros, cinema do líder liberado para todos".

BBB 20 - Manu faz pedidos para produção - Reprodução/Globoplay - Reprodução/Globoplay
Imagem: Reprodução/Globoplay

Pouco depois, a cantora questionou o motivo da manutenção no interior da casa: "Será que é só para interagirmos?". "Eu acho", opinou Ivy. O carioca discordou: "Alguma coisa vão fazer aí dentro. Se fosse para interagir, acho que seria ao contrário". "Não, no quarto a gente dorme, por isso eles não deixam", disse Ivy. "Castigo fora do quarto", brincou Manu.

Quando a casa foi liberada para os brothers, Manu e Babu conferiram os cômodos da casa, mas não encontraram nada diferente.