PUBLICIDADE
Topo

Após caso de Duda Reis, Evelyn Regly relembra relacionamento abusivo

Evelyn Regly - Reprodução/Instagram
Evelyn Regly Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/01/2021 15h52

Ao ser questionada sobre sua opinião em relação à "fofoca do dia", que envolve as denúncias de abuso de Duda Reis contra Nego do Borel, Evelyn Regly disse que entende completamente "a menina", sem citar nomes, porque também já passou por um relacionamento abusivo.

"A gente não ouve pai, não ouve mãe. A gente tem vergonha de ter aceitado tanta coisa. Não julgo. Acredito que ela está dando a volta por cima, só de ter se livrado já deu", disse a influenciadora digital, que afirmou ter deixado de seguir a "amiga fura olho" do caso de Duda Reis.

"Ela tem tanta culpa quanto ele. Não tem essa de 'vamos defender as mulheres'. Não tem essa! Os dois têm a culpa igual", acrescentou Regly que, ainda sem citar nomes, disse que se decepcionou com a "pessoa", supostamente Nego do Borel. "Conheci pessoalmente e me decepcionei tanto".

"Vocês sabem que eu era mega fã, colocava as músicas nos vídeos. Certo dia, fui para o aniversário de um amigo da pessoa e me decepcionei. Não respeitou nem meu marido, que estava do meu lado. Pegou na minha cintura e fiquei tão sem graça".

"Torço para que ela dê a volta por cima e seja feliz. Não é fácil passar por um relacionamento abusivo e depois acreditar de novo em outra pessoa. Ter que encarar a família e reconhecer que estava errada. Já passei por isso. Mas a gente dá a volta por cima, viu? E é muito melhor", completou.

Mais cedo, Duda Reis desabafou ao detalhar episódios delicados de seu relacionamento com o ex, Nego do Borel. A atriz afirmou que o cantor ameaçava mandar matar sua família e que foi vítima de agressões físicas.

Ao citar os familiares, a famosa fez um pedido de desculpas publicamente. "É um perdão público por não ter escutado eles. Eu estava cega. Meus pais sempre me amaram muito, sempre foi um ato de amor", começou dizendo.

"Eu queria pedir perdão e dizer que eu amo muito a minha família. Não se sujeitem a isso. Eu precisei chegar no extremo. Pai, mãe, minha irmã, meus amigos próximos, eu peço perdão se um dia invalidei vocês", afirmou Duda, chorando.

Os pais da influencer sempre foram contra o relacionamento da filha com o cantor. Eles inclusive deram inúmeras declarações contra o namoro, em uma delas o patriarca, Luiz Fernando Luz Barreiros, disse que Duda sustentava o ex-namorado e que já foi agredida por ele.

Polêmica entre Nego do Borel e Duda Reis

Duda e Nego terminaram o noivado no mês passado. Após o término, surgiu o boato de um dossiê do cantor, que teria mensagens dele com outras mulheres. Surgiu também o boato de que Duda teria saído da sua casa com medo. Ele desmentiu as especulações.

Ontem, no entanto, outra polêmica explodiu. Um áudio de uma suposta traição do cantor com uma influenciadora — que, até então, era amiga de Duda — foi divulgado pela colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia. No registro, a jovem supostamente relata um encontro com Nego.

A influenciadora relata momentos íntimos que aconteceram na própria casa do cantor, na Barra da Tijuca, onde ele morava com Duda até o fim do noivado. No fim da noite, Duda fez um longo desabafo sobre o relacionamento com Nego e disse que iria tomar medidas protetivas contra o funkeiro.

"Eu era refém, eu tinha medo de falar, eu me sentia ameaçada e agora vem esse tanto de gente me mandando mensagem de situações que aconteceram quando eu estava ali, quando eu ficava em casa. Que sensação horrível", declarou ela.