PUBLICIDADE
Topo

Patricia Abravanel aprende ao vivo a usar sigla correta: 'LGBTQIA+'

Patricia Abravanel aprende ao vivo a usar sigla correta: "LGBTQIA+" - Reprodução/Instagram
Patricia Abravanel aprende ao vivo a usar sigla correta: 'LGBTQIA+' Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

02/06/2021 14h52Atualizada em 02/06/2021 15h30

Após sofrer críticas por minimizar homofobia e errar a sigla da comunidade LGBTQIA+ de próposito, Patricia Abravanel recebeu ontem um amigo no programa "Vem Pra Cá" (SBT) para aprender a versão correta do termo.

O fotógrafo Gabriel Cardoso foi convidado ao palco por ela para explicar o significado de cada uma das letras da sigla.

Na conversa, Patricia fez questão de dizer que entendeu a atitude tomada por ela anteriormente não foi legal, mas cobrou menos agressividade daqueles que "ensinam".

Não precisa nos ensinar com agressividade, tipo a Rafa [Kalimann] e o Caio [Castro]. A gente pode chegar pra eles e falar: 'Não foi legal por isso'. Vamos aprender com amor, com compreensão. Ninguém quer agredir ninguém, a gente quer aprender e crescer. Afirmou a apresentadora e filha do Silvio Santos.

Entenda o caso

Na edição de ontem do "Vem Pra Cá", Patrícia Abravanel comentou a polêmica envolvendo Caio Castro e Rafa Kalimann que tomou conta das redes anteontem.

Os dois foram alvo de críticas do público após compartilharem um trecho da participação de um pastor no "Programa Raul Gil", em que ele diz não ser "a favor do relacionamento" entre pessoas do mesmo sexo.

A filha de Sílvio Santos minimizou a homofobia e pediu compreensão com quem "ainda está aprendendo".

Eu acredito que nós, mais velhos, e nós que fomos educados por pais mais conservadores, a gente está aprendendo, a gente está se abrindo, mas eu acho que é um direito também das pessoas respeitarem. Por que não concordar em discordar?

Patrícia afirmou que não acha que Caio Castro ou Rafa Kalimann sejam preconceituosos ou homofóbicos: "Eu acho que eles realmente foram educados de uma outra maneira".

Então, assim como 'LGDBTYH', não sei, querem respeito, eu acredito que eles têm que ser mais compreensivos com aqueles que hoje ainda não entendem direito e estão se abrindo pra isso.

Críticas de Tiago Abravanel

Em seu perfil do Instagram, o ator e cantor Tiago Abravanel rebateu e criticou a fala homofóbica de Patrícia Abravanel, que é sua tia.

"Preciso tentar falar para você, tia, o como eu me senti assistindo, tá? Eu penso que, em primeiro lugar, orientação sexual não é uma questão de opinião. É uma questão de respeito. Você não precisa ser como eu, mas precisa respeitar quem eu sou e ponto final", disse eu outra parte.

"Opinar, você opina se uma roupa é bonita ou feia para você. Se você quer café ou chá ou se você gosta de doce ou salgado", acrescentou Tiago. No vídeo publicado, ele ainda explicou que orientação sexual não é da opinião de ninguém, "a não ser da pessoa que escolheu ser aquilo que ela é."

"Escolheu não. Ela nasceu assim, então, não é uma questão de opinião. Ponto. Quando se opina em relação a isso, esse é um ato homofóbico", pontuou. Tiago Abravanel também sinalizou o pedido da tia para a comunidade LGBTQIA+ ser mais tolerante. "Não é uma questão de ser radical. As pessoas sofrem com isso. As pessoas morrem por isso."