PUBLICIDADE
Topo

Camilla é criticada após reclamar de reajuste no trem: 'Pessoas burras'

BBB 21: Camilla de Lucas no "Altas Horas" - Reprodução/Globoplay
BBB 21: Camilla de Lucas no "Altas Horas" Imagem: Reprodução/Globoplay

Colaboração para o UOL, em São Paulo

22/06/2021 19h01

Vice-campeã do "BBB 21", Camilla de Lucas compartilhou com seus fãs, na noite de hoje, a sua revolta com um ataque recebido após manifestação contrária ao reajuste da tarifa dos trens urbanos no Rio de Janeiro.

Em publicação no Twitter, a youtuber revelou ter sido 'aconselhada' a mudar de país se não estava satisfeita com a realidade no Brasil e se mostrou chocada com a 'burrice das pessoas'.

Eu faço um tweet reclamando que o preço do transporte público é caro pra quem vive com 1 salário mínimo no RJ e me deparo com um comentário no Instagram falando: muda de país! É extremamente assustador ver o quanto as pessoas são burras!

Nos comentários, os seguidores de Camilla de Lucas procuraram a tranquilizar após o ataque recebido.

"Burras demais, Cami", disse um fã. "Cada dia mais difícil de viver com pessoas burras", reforçou outro internauta. "Essa pessoa que tem que se mudar. Liga não", comentou um terceiro seguidor.

O que Camilla de Lucas disse?

Natural de Nova Iguaçu, cidade na região metropolitana do Rio de Janeiro, Camilla de Lucas se incomodou com o reajuste da tarifa do trem e reclamou da falta de investimento em infraestrutura para oferecer o mínimo de conforto a população.

Eu estava no 'BBB' e não vi se teve reajuste na passagem do trem, porque até ano passado eu estava andando de trem. Joguei aqui agora no Google para ver a passagem de trem no Rio de Janeiro. Gente, vai para R$ 5,90 em julho. Andei muito de trem, gente, sei muito bem como que é o trem do RJ. A janela toda quebrada, sem falar que não tem nem espaço direito. Aumenta o preço do trem e não bota mais trens para circular, fica todo mundo espremido.

"Se você entra no trem 17h da tarde, você é espremido. O povo te empurra e você só consegue entrar porque as pessoas que estão atrás de você te empurram para entrar. Quando você entra no trem, não tem lugar para sentar, é todo mundo espremido e com o braço para o alto. Se você tira o pé, meu amor, se você levanta o pé do chão, você não coloca mais. E paga 5,90 para ir assim. Brincadeira, né", completou.