PUBLICIDADE
Topo

Leticia Colin diz como é fazer filme na pandemia e pede: 'Bolsonaro, fora'

Letícia Colin mostrou os bastidores da gravação do filme "A porta ao lado" em meio à pandemia - Reprodução/Instagram
Letícia Colin mostrou os bastidores da gravação do filme "A porta ao lado" em meio à pandemia Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/07/2021 09h44Atualizada em 02/07/2021 12h48

Gravar um filme em meio à pandemia de covid-19 não foi fácil para Letícia Colin. A atriz deu detalhes sobre todos os procedimentos nos bastidores do longa "A porta ao lado", que teve as filmagens encerradas ontem.

Ao lado dos atores Barbara Paz, Dan Ferreira, Tulio Starling, da produtora Mariza Leão e da diretora Julia Rezende, Colin comemorou o encerramento do trabalho e revelou, em texto publicado em suas redes sociais, que os colegas de profissão compartilham do mesmo posicionamento político:

"(...) Nosso filme resistiu e insistiu pandemia adentro — sempre Bolsonaro Fora", escreveu a atriz.

Ela contou que todos usavam máscara, estavam sempre com álcool em gel e realizavam exames do tipo PCR, para a detecção da covid-19, diariamente. Além disso, as janelas permaneciam sempre abertas e os profissionais passaram por um período de quarentena antes de iniciarem os trabalhos em grupo.

"Um filme feito com respeito pela vida. O set era o lugar mais seguro do mundo", opinou Colin.