PUBLICIDADE
Topo

Juíza nega pedido de DJ Ivis para proibir mulher de divulgar vídeos, diz TV

Do UOL, em São Paulo

12/07/2021 15h01Atualizada em 12/07/2021 16h09

A juíza Maria José Sousa Rosado de Alencar, da Comarca de Fortaleza, negou o pedido da defesa de Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, para remover o conteúdo em que o artista aparece agredindo a mulher, Pamella Gomes de Holanda. As informações são da TV Globo.

Além do pedido de remoção dos vídeos divulgados por Pamella, a defesa do músico também pediu que ela fosse proibida de comentar o assunto com a imprensa.

Ao negar o pedido, a juíza afirmou que não encontrou "qualquer conduta adotada pelo colunista ou pela ré que ultrapasse o próprio direito constitucional da informação ou da liberdade de expressão."

A falta de veracidade ou eventuais excessos veiculados em matérias de internet deverão ser apurados posteriormente, sendo incompatível com o regime de plantão judiciário, pelo que deixo de acolher os pedidos formulados em tutela de urgência. Diz um trecho da decisão

Procurado pelo UOL, o TJCE (Tribunal de Justiça do Ceará) informou que o caso tramita em segredo de Justiça, e por isso não podem ser repassadas mais informações.

Entenda o caso

Pamella Gomes de Holanda, companheira de Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, compartilhou nas suas redes sociais uma série de vídeos que mostram o artista a atacando com tapas, socos e chutes. Também via Instagram, ele confessou as agressões, mas disse que é vítima de uma chantagem.

Os trechos divulgados por Pamella foram feitos, segundo ela, na residência do casal, em datas diferentes. O UOL assistiu aos vídeos, mas por conta do teor violento não iremos compartilhá-los. Em certo momento, Ivis agride a mulher com ela próxima ou até mesmo segurando a filha Mel, de nove meses.

1 - Reprodução / Instagram - Reprodução / Instagram
Vídeo mostra DJ Ivis agredindo mulher
Imagem: Reprodução / Instagram

No seu Instagram, DJ Ivis também compartilhou vídeos de Pamella tentando agredi-lo e um boletim de ocorrência feito em março. No depoimento à polícia, o produtor afirmou que discutiu com a mulher e que estava "constrangido" e "com medo do comportamento desequilibrado" da companheira.

No último dia 3 de julho, Pamella foi à polícia e fez um boletim de ocorrência por agressão contra Ivis. No dia seguinte, o MP (Ministério Público) solicitou uma medida protetiva para a mulher e a filha, o que foi concedido pelo TJ-CE (Tribunal de Justiça do Ceará).

A Polícia Civil do Ceará disse que investiga o caso, mas que só teve acesso aos vídeos ontem.

Quem é DJ Ivis?

Compositor, produtor e cantor, Ivis é um dos principais nomes do forró brasileiro, tendo sucessos como "Volta Bebê, Volta Neném", "Esquema Preferido" e "Não Pode se Apaixonar". O produtor tem mais de 7 milhões de ouvintes mensais no Spotify.
Iverson é nascido na Paraíba e tem 29 anos.

Como denunciar violência contra a mulher

Mulheres que passaram ou estejam passando por situação de violência, seja física, psicológica ou sexual, podem ligar para o número 180, a Central de Atendimento à Mulher. Funciona em todo o país e no exterior, 24 horas por dia. A ligação é gratuita. O serviço recebe denúncias, dá orientação de especialistas e faz encaminhamento para serviços de proteção e auxílio psicológico. O contato também pode ser feito pelo Whatsapp no número (61) 99656-5008.

Também é possível realizar denúncias de violência contra a mulher pelo aplicativo Direitos Humanos Brasil e na página da Ouvidoria Nacional de Diretos Humanos (ONDH), do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH).