PUBLICIDADE
Topo

Humorista Marina Miranda, da 'Escolinha', morre aos 90 anos

A atriz e comediante Marina Miranda - Reprodução / Instagram
A atriz e comediante Marina Miranda Imagem: Reprodução / Instagram

Ane Cristina

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/09/2021 14h50Atualizada em 21/09/2021 17h04

A atriz Marina Miranda, que viveu Dona Mandala/Dona Charanga na "Escolinha do Professor Raimundo", morreu hoje aos 90 anos. A informação foi confirmada ao UOL por sua filha, Sylvia Miranda.

Ela estava internada desde domingo no Hospital Municipal Miguel Couto, no Rio de Janeiro, após entrar em coma em decorrência do Alzheimer.

A artista também havia sido diagnosticada com infecção urinária e pulmonar, escara na terceira derme, além de forte desnutrição: com 1,73 m de altura, ela estava pesando 40 kg. Ontem, Sylvia chegou a comentar que o quadro era irreversível.

Marina Miranda ao receber o Troféu Raça Negra - Reprodução / Instagram / @sylviamirandaoficial - Reprodução / Instagram / @sylviamirandaoficial
Marina Miranda ao receber o Troféu Raça Negra
Imagem: Reprodução / Instagram / @sylviamirandaoficial

Uma das primeiras humoristas negra a ter destaque na TV brasileira, Marina despontou a carreira ao lado do ator Tião Macalé no programa "Balança, mas não cai", transmitido pela Rádio Nacional na década de 50 e adaptado pela Globo em 1968.

Além dos trabalhos humorísticos na "Escolinha" e em "Os Trapalhões", a artista também atuou em novelas como "Dona Xepa", "Dancin' Days", "Vereda Tropical" e "A Gata Comeu".

Em 2010, Marina recebeu o Troféu Raça Negra, prêmio que reconhecia sua contribuição para a cultura nacional.

Hélio de la Peña, Isabela Garcia e Paulo Cintura foram alguns dos artistas que lamentaram a morte da atriz.