PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Leo Dias


Gusttavo Lima proíbe perguntas sobre boicote da Globo a ele em entrevista

Gusttavo Lima - Reprodução/Instagram
Gusttavo Lima Imagem: Reprodução/Instagram
Leo Dias

Leo Dias é jornalista e diretor-executivo do "TV Fama", da Rede TV!. Foi correspondente internacional da rádio portuguesa RDP, passou pelas TVs Bandeirantes e RedeTV! e apresentou um programa na rádio FM O Dia, líder de audiência no Rio de Janeiro, onde entrevistava políticos, jogadores de futebol, dirigentes e muitos artistas. Assinou uma coluna de celebridades no jornal "O Dia" e também esteve nos jornais "Extra" e nas revistas "Contigo", "Chiques e Famosos", "Amiga" e "Manchete". Apesar dessa experiência, sempre se definiu como repórter, tamanha paixão pela apuração da notícia e pela vontade em produzir conteúdos exclusivos. Polêmico, controverso e dono de uma forte personalidade, Leo conquistou um público cativo por dar notas explosivas e audaciosas num mundo artístico mais conservador. Seu lema: "A fama tem um preço estou aqui para cobrar".

Colunista do UOL

12/12/2019 17h49

Marquem essa data: setembro de 2019. Há três meses, a Coluna Leo Dias tenta marcar uma entrevista exclusiva com Gusttavo Lima, atualmente, o cantor com o cachê mais alto do país, em torno de 600 mil reais. Três meses de tentativas, tanto via assessoria quanto em contato direto com o cantor via Whatsapp, e nada.

Nesta quinta-feira (12), o "Embaixador", como é conhecido, decidiu falar, aproveitando a coletiva de imprensa para o lançamento do novo DVD "O Embaixador in Cariri", realizada no Hotel Tivoli Mofarrej, em São Paulo. Mas Gusttavo e sua assessoria impuseram duas condições: apenas 10 minutos de entrevista e a proibição de sequer tocar no assunto 'boicote da Globo ao cantor'.

Não sei você sabe, querido leitor, mas Gusttavo Lima passou a ser boicotado pela emissora - e, de quebra, em todas as empresas do grupo Globo - depois que trocou a Som Livre, gravadora onde permaneceu por 8 anos, pela Sony Music. Amooor, negócio de milhões e milhões de reais. A Coluna, inclusive, já fez várias notas a esse respeito, sem, no entanto, ter uma confirmação nem do cantor nem da antiga gravadora. Fato é que tem mais de ano que Gusttavo não dá as caras desde julho de 2018.

Na verdade, o cantor se tornou tão grande Brasil adentro que não precisa da emissora. Ele consegue um retorno muito maior por meio das redes sociais e da Internet. O problema é toda essa "grandeza" subir à cabeça e ele acabar dando um tiro no próprio pé, com atitudes como essa da proibição de falarmos sobre o boicote da Globo a ele.

Em virtude desse ato de quase censura e do pouco tempo oferecido para a entrevista - Amor, nem Xuxa, que é Xuxa, impôs limite de tempo para ser entrevistada -, esse colunista preferiu não aceitar o convite feito pela assessoria do cantor. Agradeço e sigo interessado em conversar com Gusttavo abertamente, desde que ele esteja disposto a falar sobre tudo. Tudo mesmo.

* Com colaboração de Geizon Paulo

Leo Dias