PUBLICIDADE
Topo

Famosos


Pichadores que já foram criticados por Gugu ao vivo se despedem do ídolo

Pichadores no velório de Gugu - Nelson Antoine/UOL
Pichadores no velório de Gugu Imagem: Nelson Antoine/UOL

Leonardo Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

28/11/2019 17h45

Entre as várias homenagens recebidas por Gugu Liberato hoje, no velório na Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo), uma chamou atenção: a de uma dupla de pichadores que veio do Capão Redondo prestar seu tributo ao ídolo.

Eles chegaram de manhã e trouxeram uma faixa com mensagens de carinho e a inscrição do grupo Collos Vomitus XND, que ficou hasteada no salão junto a familiares e foi retirada pelos próprios pichadores por volta de 16h.

"A gente é fã do Gugu desde a adolescência. Desde o Viva Noite e o Sabadão Sertanejo. Ele marcou nossa vida. Era uma.pessoa muito humilde, que se importava com os mais pobres como a gente", explicou o pichador Celso, 35 anos, que, assim como o colega, já foi preso várias vezes por pichar prédios públicos.

Arroz de festa, sempre presente em eventos públicos e protestos, ele, que também é ambulante, conta que até já chamou a atenção de Gugu em uma cobertura ao vivo, do caso Suzane von Richthofen, logo após a revelação do assassinato, em 2002. Mas não foi como o esperado.

"Colocamos a nossa faixa no chão no lado de fora da casa dela, e o Gugu viu e falou 'Olha aí os vândalos mostrando a pichação deles'. Mas gostamos mesmo assim. Mostramos nossa mensagem", conta Celso.

"Não sei se o Gugu gostava do que a gente fazia. Nossa arte sofre muito preconceito da sociedade. Nos chamam de ladrões, de um monte de coisas, só quem é do picho entende quem é do picho. Mas acho que o Gugu ia aprovar, sim, nossa homenagem. O Brasil ama o Gugu."

O corpo do apresentador será velado até amanhã, na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo). O cortejo deve sair às 10h, com o corpo levado por um carro do Corpo de Bombeiros. O apresentador será enterrado no Cemitério Gethsêmani, no jazigo da família.

A morte de Gugu Liberato foi anunciada pela família na última sexta-feira (22), após o apresentador sofrer um acidente doméstico dois dias antes. De acordo com nota oficial, ele teve uma queda acidental de uma altura de cerca de quatro metros quando tentava fazer um reparo no ar condicionado instalado no sótão de sua casa, em Orlando (EUA). Ele teve morte encefálica.

Famosos