PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Familiares de Gugu querem criar campanha para incentivo de doação de órgãos

Gugu no último episódio do Canta Comigo (Divulgação/ Record TV) - Divulgação/ TV Record
Gugu no último episódio do Canta Comigo (Divulgação/ Record TV) Imagem: Divulgação/ TV Record

Do UOL, em São Paulo

09/12/2019 15h54

Familiares de Gugu Liberato esboçaram o desejo de criar uma campanha de incentivo a doação de órgãos no Brasil. A informação foi revelada pela assessoria do apresentador, que teve morte encefálica em decorrência de um acidente doméstico, nos Estados Unidos.

"Após saberem que o ato de doar os órgãos fez com que aumentasse o número de telefonemas e doações de órgãos para a Central Nacional de Transplantes, mãe e irmãos de Gugu estudam agora uma ação associada à Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos e/ou Ministério da Saúde para esclarecer a população sobre o tema, alavancar essa discussão e, consequentemente, aumentar o número de doadores", informou a assessoria.

Segundo antecipou o colunista do UOL Flávio Ricco, a decisão de doar todos os órgãos do apresentador —atendendo, assim, a um desejo antigo de Gugu— pode beneficiar até 50 pacientes. Isso porque, além dos órgãos, é possível utilizar córnea, pele, ossos etc.

Os Estados Unidos têm um sistema bem mais avançado de doação de órgãos e já conseguem utilizar muitas partes do corpo que, no Brasil, ainda não são usadas para transplante.

"O assunto [da campanha de doação] começou a ser discutido entre familiares e será administrado pessoalmente por eles e/ou pessoa designada futuramente. Por enquanto trata-se de um projeto empenhado em perpetuar o desejo de Gugu", informou a assessoria.

Fila grande

Reportagem publicada hoje pelo jornal "Agora S. Paulo", informa que a fila de espera por um transplante no país, até 29 de novembro, tinha 38.338 pessoas. Deste total, 16.206 pacientes inscritos no sistema estadual de São Paulo à espera de um órgão.

A matéria diz ainda que gestos de amor como o de Gugu Liberato, ao permitir a doação dos órgãos do apresentador, pode, sim, impulsionar a doação de órgãos e tecidos espontânea no Brasil.

Famosos