PUBLICIDADE
Topo

Aos 71 anos, Mamma Bruschetta ganha dose excedente de vacina da covid

Em vídeo, Mamma Bruschetta explicou porque recebeu imunizante e defendeu importância da vacina - Reprodução/Instagram
Em vídeo, Mamma Bruschetta explicou porque recebeu imunizante e defendeu importância da vacina Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/02/2021 07h19Atualizada em 25/02/2021 07h21

Aos 71 anos, Mamma Bruschetta comemorou uma surpresa positiva na noite de ontem: Apesar de ainda estar abaixo da atual faixa de vacinação, que compreende idosos entre 85 e 89, ela conseguiu ganhar a primeira dose de imunização contra a covid-19.

A comentarista do "Melhor da Tarde", na Band, contou que conseguiu ser vacinada graças ao novo procedimento da Prefeitura de São Paulo, que disponibiliza doses excedentes no fim do dia para maiores de 65 anos que fizeram o cadastro em seu sistema, já que os imunizantes têm uma validade muito curta depois de abertos.

"Xô Covid. Quase imunizada, em dias difíceis uma esperança. Obrigado @butantanoficial", escreveu ela, que recebeu a CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com a instituição paulistana.

No vídeo que acompanhou a legenda, Mamma citou a "esperança" com o imunizante e mostrou todo o processo de aplicação da vacina, pedindo para o enfermeiro mostrar a seringa antes e depois do procedimento.

"Vim no posto tomar a esperada vacina contra esse maldito coronavírus. Xô, Covid. Quase imunizada, em dias difíceis uma esperança. Coisa mais simples do mundo. É uma bênção de Deus poder usufruir desse milagre que é a vacina", comemorou a apresentadora, que poderá tomar a segunda dose daqui 14 dias.