Coluna

Flávio Ricco

"Totalmente Demais" agrega público de "Malhação", constata Globo

João Miguel Junior/Divulgação
Elenco de Totalmente Demais em registro no Uruguai Imagem: João Miguel Junior/Divulgação
Arte/UOL
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

*Colunista do UOL

24/04/2016 07h00

O sucesso de "Totalmente Demais" se deve principalmente ao trabalho da sua equipe de autores, elenco, produção e direção. Isso é fato. Mas também ninguém pode reclamar ou se dar ao luxo de abrir mão de uma ajudinha "extracampo", como a observada pela casa.

A direção da Globo já constatou que a audiência de "Malhação" também acompanha a atual novela das sete da noite. O produto consegue agregar esses diferentes públicos.

A explicação pode estar no fato de "Totalmente" reunir no elenco nomes como Felipe Simas e Juliana Paiva, que passaram por "Malhação", sem contar que Marina Ruy Barbosa é bastante "seguida" por adolescentes. Além disso, os próprios autores, Rosane Svartman e Paulo Halm, emplacaram bons trabalhos na faixa das 17h.

O fato é que o vento continua muito a favor para "Totalmente Demais".

*Colaboração de José Carlos Nery

Leia aqui a coluna na íntegra.

            

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo