Topo

Coluna

Flávio Ricco


Agora, Record quer a volta de Geraldo Luís no domingo que vem

Reprodução / TV Record
Record quer a volta de Geraldo Luís no domingo que vem Imagem: Reprodução / TV Record
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Coluinsta do UOL*

15/05/2016 16h56Atualizada em 15/05/2016 18h11

Reviravolta no caso Geraldo Luís: hoje, logo após a exibição do "Domingo Show", ainda com apresentação do Luiz Bacci, Geraldo Luís foi surpreendido com uma ligação do Douglas Tavolaro, vice-presidente da Record, com a informação de que seu retorno ao programa acontecerá já no próximo final de semana.

Uma decisão que, por vários motivos, acaba surpreendendo a todos.

Primeiro porque nunca existiu a intenção de perdoar o Geraldo. Desde que ele foi punido, por fazer reclamações no ar, a ideia foi afastá-lo e colocá-lo de castigo até o fim do seu contrato, em abril do ano que vem.

A multa pela rescisão beira a casa do R$ 1,5 milhão.

Bacci, embora tenha cumprido seu papel da melhor maneira possível, sempre teve contra ele o fato de pegar um programa andando e que tinha a cara e o R.G. do Geraldo. Fez o melhor que pode e a sua média deste domingo, na casa dos 9 pontos, não pode ser considerada ruim.

Geraldo Luís, procurado, não respondeu as ligações da coluna.

A Record, por sua vez, já dá a mudança ou ao que era no passado como oficial e definitiva.

Bacci, inclusive, já deverá nesta segunda-feira (16) retornar com os programas da manhã.

A decisão foi tão repentina que o apresentador Tino Junior --que vinha apresentando o "Balanço Geral" e o "São Paulo No Ar" nas manhãs da Record-- tomou conhecimento dessas determinações através da notícia do UOL.

*Colaborou José Carlos Nery