Coluna

Flávio Ricco

Trio mirim do SBT ganha mais que muitos atores da Globo

Reprodução/Snapchat
Jean Paulo Campos, Maisinha e Larissa Manoela têm carreira de sucesso no SBT Imagem: Reprodução/Snapchat
Arte/UOL
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

26/06/2016 07h00

O SBT dá um passo de cada vez na sua área de novelas e já há algum tempo investe apenas em um horário de produção inédita.

Apostando na fórmula infantil-musical, a emissora normalmente faz dois dígitos em São Paulo por meio de “Cúmplices de um Resgate” e até com a reprise de “Carrossel”.

Mesmo com essa proposta de somente um horário inédito e de fazer, na maioria dos casos, contrato por obra com o elenco, chama a atenção no SBT o fato de um trio receber, atualmente, valores muito acima daqueles pagos pela Globo para muitos dos seus artistas.

Maísa Silva, Jean Paulo Campos e Larissa Manoela, estão ali na casa dos R$ 40 mil a R$ 70 mil. Nada contra isso, evidentemente. A propósito da Maisinha, ela participou do “Tudo pela audiência” no Multishow e agradou em cheio a equipe do programa.

“Ela é sensacional, a gente adorou”, conta Fábio Porchat, que divide a apresentação com Tatá Werneck.

*Colaboração de José Carlos Nery 

Leia a coluna na íntegra

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo