Coluna

Flávio Ricco

SBT, Record e Rede TV! terão que correr atrás das audiências perdidas

Munir Chatack/RecordTV
Emissoras da Simba, incluindo a Record, têm de lidar com as consequências do desligamento do sinal na TV paga Imagem: Munir Chatack/RecordTV
Arte/UOL
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

10/04/2017 07h01

A grande questão, a partir de agora, é saber o que pretendem fazer o SBT, Record e Rede TV! para recuperar as suas audiências, números que tinham acumulado, antes de decidirem, em conjunto, desligar seus sinais da TV paga.

Desde lá de trás se aprendeu que televisão é hábito, mas também um jogo de conquista, que se desenvolve ao longo dos tempos para seduzir os telespectadores.

Telespectadores que, em uma parcela bem importante, passaram a se servir dos serviços de diferentes empresas. A audiência das emissoras convencionais é determinada pela soma dos seus registros nos sistemas aberto e fechado, o que nos leva a concluir que muito daquilo que cada uma dessas TVs conquistou, não será recuperado num primeiro momento.

A avaliação em todo o mercado é que a decisão tomada, a de interromper a cessão do sinal com o desligamento do analógico em São Paulo, além de oportunista, foi intempestiva sob todos os aspectos.

Os prejuízos para as três já são e ainda serão inevitáveis.

É só fazer a conta

Tomando-se como exemplo a Record, de todas a mais prejudicada. Com a interrupção do seu sinal no cabo, ela perdeu dois pontos.
Número que antes era obtido pela soma do que registrava com a Net, Sky, Claro e Oi. Cada uma peso e índices diferentes. E que se perderam ao longo dos últimos dias.

O que será feito para conseguir isso de volta?

Tem outro lado

É preciso reconhecer que, em toda a questão criada, só uma teve a ganhar e aí, sim, somos obrigados a reconhecer que foi uma jogada de mestre dos seus donos.

Ao contrário das outras duas que vivem à custa de comerciais, a despesa da Rede TV! é paga pela venda de horários.
O que entra ou vier a entrar, além disso, é lucro.

De qualquer forma

As três emissoras envolvidas acreditam que muito provavelmente nesta segunda-feira se chegará a uma solução para o assunto.

Solução que, de acordo com elas, para o mercado será anunciada como uma grande bomba.

E atenção

Engana-se todo aquele que imaginar que os negócios entre Silvio Santos e Edir Macedo limitam-se à Simba e essa guerra contra as operadoras.

Existem mais coisas envolvidas. Todas, claro, no campo da TV.

Oportuno

A convenção do Comercial da Band, realizada no Guarujá, em São Paulo, na semana passada, contou com uma palestra do filósofo, craque, Mario Sérgio Cortella.

Ele falou sobre a importância de o profissional se renovar e ficar atento às mudanças.

Silêncio

O que se observou, ainda neste encontro da Band no Guarujá, é que o assunto Copa da Rússia não foi levantado.

Tudo que diz respeito a ele, segundo a emissora, será resolvido em “reuniões de trabalho a partir de agora”.

Tem a preferência

Karol Conka, cantora e apresentadora do “Superbonita” no GNT, entrou na disputa pelo tema de abertura de “Malhação – Viva a diferença”.

Outros nomes foram avaliados, mas ela já abriu vários corpos de vantagem sobre os concorrentes.

Edu Moraes/Record
Imagem: Edu Moraes/Record
Primeiro ao vivo

Depois da estreia gravada na semana passada, na noite desta segunda-feira irá ao ar o primeiro “Dancing Brasil”, da Xuxa, ao vivo, direto dos estúdios da Casablanca, no Rio.

Já com direito a eliminação de um casal. Dentre os participantes, a dançarina Sheila Mello.

Gravando

A Band e a Eyeworks deram início aos trabalhos do programa de encontro dos casais – “Primeiro Encontro”.

As primeiras tomadas foram feitas num restaurante em São Paulo. Ainda no decorrer desta semana será definido o seu apresentador.

É do ramo

João Miguel Júnior/Globo
Débora Falabella tentará conquistar Dan Stulbach na novela das 9 Imagem: João Miguel Júnior/Globo

Dan Stulbach voltou, e voltou muito bem às novelas da Globo, agora como o Eugênio de “A Força do Querer”. É desses atores acima da média.

Na história, seu personagem vive uma fase de conflitos no casamento com Joyce (Maria Fernanda Cândido). A arquiteta Irene (Débora Falabella) tentará conquistá-lo. 

Nova bateria  

“Carinha de Anjo” alcançou, na sexta-feira, a marca de 100 capítulos apresentados, mas ainda com longo caminho a percorrer.
Por sua vez, a mexicana Lucero virá ao Brasil, outra vez, em agosto, para nova bateria de gravações da novela.
 
Bate – Rebate
 

• Ary Toledo gravou participação especial em um dos episódios da segunda temporada de “Treme Treme”, que volta ao ar dia 17, às 22h, no Multishow...
• ... Veterano do humor, ele contracena com o porteiro Belmiro (Gustavo Mendes).
• Já em contagem regressiva na Globo, o “Álbum da Grande Família” será exibido até dia 28, uma sexta-feira...
• ... Será que depois disso teremos a estreia do programa do Bial? Não é confirmado ainda.
• Jornalista Caetano Bedaque completa este mês 3 anos com seu programa semanal, “Primeiro Escalão”, na AllTV.
• O Multishow fixou para julho a estreia de “Planeta B”, em 24 episódios, com os humoristas do grupo Os Melhores do Mundo...
• ... A série se desenrola em 2089, quando o Brasil é comprado pela China e a população aguarda a Primeira Missão Espacial Brasileira...
• ... A espaçonave recebe o nome de Arara 1 e a missão dela é encontrar um planeta para instalar o Novo Brasil.
• O prefeito de São Paulo, João Doria, é o entrevistado do “Roda Viva”, da Cultura, nesta segunda, a partir das 22 horas. Apresentação do Augusto Nunes.
• Fábio Piperno e João Sales acabam de lançar o canal “Futebol Cervejeiro na rota da Rússia”...
• ... Todo um conteúdo sobre eliminatórias, o próximo mundial, Copa das Confederações, entre outros.
• Marcão fez as duas horas e meia do “Primeiro Impacto” na sexta-feira e chegou ao número de 5 pontos, o maior da história do jornal...
• ... E que levou o empatar com a Record em segundo lugar pelos números prévios.

*Colaboração de José Carlos Nery
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo