Coluna

Flávio Ricco

Volume do merchandising na televisão teve crescimento de quase 15%

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
Arte/UOL
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

11/04/2017 07h01

O volume de merchandising na televisão brasileira observou crescimento de 14,5% no ano passado, somando mais de 19 mil ações, de acordo com o estudo “Retrospectiva e Perspectiva 2016”, realizado pelo Kantar IBOPE Media.

Do total de 1.455 anunciantes presentes na TV, metade investiu exclusivamente neste formato de divulgação de produto, sendo que a maior parte delas foi feita em programas de auditório, que concentram 58% de toda a verba destinada às ações comerciais realizadas.

Dentre os formatos, o preferido ainda é o testemunhal, responsável por 59% do total. Cerca de 30% de todo investimento em merchandising é proveniente dos setores farmacêutico e de higiene pessoal e beleza que, juntos, somam o equivalente a R$ 2,4 bilhões.

Um tamanho de dinheiro que no final de cada exercício faz toda uma diferença.

Rapapá
Está prevista para muito breve uma mudança bem profunda nos quadros do SporTV.

A sua direção entende que um trabalho de renovação, em todos os seus setores, deve ser colocado em prática muito rapidamente.

Um pouco demais
O programa de estreia do “Dancing Brasil”, da Xuxa, além da sua exibição na segunda passada, dia 3, foi reprisado sábado na Record e no domingo à noite, na Record News.

Nada demais se este não fosse um canal de notícias. Ou será que deixou de ser?

Outra curiosidade
Na mesma Record News, depois da Xuxa, entrou a reprise do “Domingo Espetacular”, levado ao ar na noite do mesmo dia na Record.
News, que é bom, nada.

Nova casa
Gabriela Mayer, que apresentava o jornal do meio-dia, deixou a TV Cultura na última sexta-feira, para agora se integrar aos quadros da BandNews.

Por enquanto, só rádio. Mas vem televisão por aí. Gabriela é uma profissional muito bem preparada. Ponto pra Band.

E olha só
A saída da Gabriela para a Band propiciou a escalação de Ana Paula Couto para apresentar o “Jornal da Cultura”, edição da hora do almoço.

Ex-GloboNews, ontem já foi o seu primeiro dia. No final de tudo, verifica-se, todos saíram ganhando.

Assunto sério
Davi Lacerda, da equipe do Rogério Gomes, foi afastado dos trabalhos de “A Força do Querer”, porque uma criança veio a sofrer hipotermia em cena dirigida por ele.

E assim continuará até que o caso seja devidamente apurado. A Globo, consultada, informa que “não comenta casos internos”.

Divulgação/TV Globo
Julianne Trevisol em "Os Dias Eram Assim" Imagem: Divulgação/TV Globo
Boa atriz
“Em "Os Dias Eram Assim", estreia da Globo, na segunda que vem, 17, Julianne Trevisol vai aparecer no papel de Sara, uma garota de programa.

E que no decorrer da história irá se envolver com Vitor, papel do Daniel de Oliveira.

Estrago
Na Rede TV! – Rio, como era de se esperar, a corda arrebentou do lado mais fraco.

Renata Braga foi demitida da direção de jornalismo da emissora carioca, atendendo pedido do diretor administrativo Conrado Nobili. Laura Machado, que era chefe de redação, assumiu em seu lugar.

Reprodução
Jakson Follmann será comentarista do Fox Sports Imagem: Reprodução
Follman no Fox Sports
Jakson Follmann, goleiro da Chapecoense, 24 anos, acidentado no voo da LaMia, em 28 de novembro do ano passado, assina hoje com o Fox Sports.

Um novo desafio em sua vida. Follmann passará a ser comentarista de goleiro, função inédita em se tratando de equipe esportiva da TV e rádio brasileiros.

Nadine também
O canal Fox Sports também já acertou com Nadine Bastos, juíza de linha de Santa Catarina, que acaba de se aposentar das funções.
Ela passará, a partir de agora, a dividir as funções com o também ex-árbitro Carlos Eugênio Simon.

Performance
Foi bem o Carioca domingo, no “Pânico”, com novo quadro. No ar das 23h09 às 23h23, o quadro “Póim na Tela” com o Batena estreou em terceiro lugar isolado com média de 6 pontos e 9,9% de share, em São Paulo.

No confronto, a Record marcou 5,49; RTV 2,9; SBT 7,5 e Globo 24,4. Em seu horário cheio, o programa deu 5,2, maior audiência da temporada. Já no confronto com o “Encrenca”, empate: (5,1 ante 5,0).

Bate – Rebate

• A Bandeirantes foi a primeira emissora a chegar à Síria para cobrir os efeitos dos mísseis disparados pelos EUA...
• ... Yan Boechat entrou a partir do “Café com Jornal” da sexta-feira direto da cidade de Homs, a 40 km das bases atingidas pelos mísseis.
• “Domingão do Faustão” atingiu recorde de audiência em São Paulo no último domingo...
• ...Marcou 20 pontos de média com 33% de participação...
• ...O “Fantástico” e o BBB foram outros destaques da Globo domingo.   
• Vai sair em junho, pela Contexto, o livro da vida do Rolando Boldrin, escrito por Willian Corrêa.
• Novela “Novo Mundo”, da Globo, promete fazer história...
• ... Impressiona, especialmente, pelo trabalho da sua produção.
• Record está mexendo nas datas de estreias das suas próximas novelas...
• ... O certo é que tanto “A Escrava Isaura” como “O Rico e Lázaro” terão as suas exibições esticadas....
• ... Só existe ainda alguma indefinição sobre o número de cada uma.

*Colaborou José Carlos Nery

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo