Topo

Coluna

Flávio Ricco


Band avisa artistas que "X Factor" acabou mesmo

Manuela Scarpa/Brazil News
Paulo Miklos, Fernanda Paes Leme, Alinne Rosa e Rick Bonadio no lançamento de "X Factor Brasil" Imagem: Manuela Scarpa/Brazil News
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL

08/07/2017 07h00

Alguém da Bandeirantes entrou em contato com os representantes do pessoal que trabalhou no “X Factor”, no meio de semana, para avisar que não haverá segunda temporada do programa.

Um gesto até elogiável. Mas agora?! Participaram da primeira temporada Fernanda Paes Leme, na função de apresentadora, e como jurados Rick Bonadio, Alinne Rosa, Di Ferrero e Paulo Miklos. O reality foi produzido pela Fremantle Media e não faltaram problemas no início dos trabalhos.

O mais curioso é que durante um evento de programação, realizado em março, em São Paulo, a Band confirmou a realização da segunda edição e sua estreia no segundo semestre. Porém, questionada sobre a equipe, dizia que apenas Bonadio estava garantido, alimentando os rumores de mudanças no time de jurados e até mesmo na condução do programa.

A emissora nunca escondeu que tinha como grande objetivo alcançar o mesmo sucesso do “The Voice Brasil”, exibido na Globo. Só que não. Acabou ficando na primeira temporada. Em tempo: pela sua quase total inconsequência, a Band deveria, de vez, cancelar a festa de lançamento que promove em todo começo de ano. Além do dinheiro gasto à toa, pega muito mal anunciar desejos e projetos que nunca acabam se confirmando. A repercussão no mercado é péssima.

O “X Factor” é só um entre tantos exemplos. Nesta última semana houve o anúncio de um novo reality reunindo famosos e anônimos com gravações fora do Brasil e estreia em setembro. Mas será que vai mesmo? 

*Colaboração de José Carlos Nery