Topo

Coluna

Flávio Ricco

"The Voice Kids" peca feio pelo exagero de suas juradas

Divulgação
As juradas do "The Voice Kids": a dupla Simone e Simaria e Claudia Leitte Imagem: Divulgação
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

20/01/2018 00h06

O “The Voice”, nas suas duas versões, veio a se tornar uma das atrações mais importantes do entretenimento da Globo nas últimas temporadas.

O programa, na sua essência e como um todo, é interessante, tem bons propósitos e se destaca pela qualidade da sua produção.

Quanto a esses aspectos, nada contra, apenas o melhor dos reconhecimentos.

O porém, e o nosso assunto é exatamente o “porém”, se refere à sua versão “kids”, lançada no último dia 7 e, portanto, há apenas dois domingos no ar.

Mas dois domingos suficientes para observar o exagero na conduta das suas juradas, meio sem entender que ali, em vez de principais estrelas ou protagonistas, elas são tão somente participantes do programa.

Uma Claudia Leitte já bastava, só que a ela vieram se juntar Simone e Simaria, com todo desespero das duas de querer aparecer uma mais que a outra. Onde isso vai parar até o final da atual edição passa a ser a expectativa ou grande discussão.

Tá na área
Diego Guebel deixou a Band, mas não se afastou do Brasil, como ele mesmo havia afirmado.

As suas vindas da Argentina para São Paulo continuam com a mesma frequência de antes, ao encontro do propósito de fixar sua base de trabalhos por aqui. Em outra emissora ou por meio de um negócio próprio. Aliás, em entrevista na Natpe, realizada em Miami, Guebel falou abertamente do seu desejo de abrir uma empresa para o mercado.

Estaca zero
O projeto está pronto e o desejo de iniciar a obra está em pé, mas é só isso que existe, por enquanto, quanto ao novo prédio da Record para o seu jornalismo.

A chance de ficar pronto ainda este ano, para não dizer que não existe, é muito pequena. Bem reduzida.

Fim de férias
Nessas duas próximas semanas, todas as produções do entretenimento da Globo já estarão de volta das férias regulamentares, prontas para dar início aos trabalhos de 2018.

Por aí se entenda “Domingão”, “Caldeirão” e “Altas Horas”, entre outros.

Economia
A Record, entre outras medidas, irá obrigar suas produções a trabalharem com orçamentos mais reduzidos ao longo dos próximos meses.

Algo que poderá implicar, inclusive, na diminuição do tempo de arte de vários programas.

Divulgação/TV Gazeta
Cátia Fonseca, que deixou a Gazeta e deve estrar em breve na Band Imagem: Divulgação/TV Gazeta
Em estudos
A partir da estreia da Cátia Fonseca, em março, a Band será forçada a fazer ajustes em sua grade.

Não bateram o martelo até agora, mas para dar a ela as duas horas combinadas – uma local e outra nacional - será necessário diminuir a duração dos programas esportivos. A hipótese mais provável é tirar um pouco de cada um.

Time novo
O SBT, para as transmissões de Salvador, desta vez irá contar com os trabalhos de Tiago Barnabé, Helen Ganzarolli, Nadja Haddad e Léo Sampaio.

A cobertura irá repetir o mesmo esquema dos carnavais do passado, começando na sexta e terminando na terça, mas sempre depois da meia-noite.

Transmissões
Depois da Florida Cup, a Papum, do Marcelo Madeira, começa a tomar as primeiras providências para as transmissões da Conmebol ao longo deste ano.

E com a responsabilidade de entregar o sinal desses eventos para a Fox Latim América, SporTV e Fox Brasil.

Deixar claro
Algumas manifestações na última Napte, que se encerrou em Miami, chegaram a causar certa confusão.

No entanto, vale esclarecer que a Fox tem os direitos da Fórmula 1 em toda a América Latina. Menos no Brasil. Aqui, já de muito tempo, pertencem à Globo.

Rogério Fernandes / TV Globo
Gretchen ao lado do cantor e produtor Rody Martins, no "Altas Horas" Imagem: Rogério Fernandes / TV Globo
Gretchen no Serginho
Gretchen será uma das atrações do “Altas Horas”, neste sábado da Globo, após o “Zorra”.

Em um dos momentos dela no programa, a apresentação de “Falsa Fada”, ao lado do cantor e produtor Rody Martins, mostrando que o título “Rainha do Rebolado” continua incontestável.

Como outras atrações, a dupla Fernando & Sorocaba, o comentarista Caio Ribeiro e o grupo de samba Dose Certa.

Cada vez mais
Os trabalhos da Andréia Sadi, já de alguns dias, passaram a ser usados com mais frequência no “Jornal Nacional” e demais informativos da Globo.

Algo que se via como inevitável ou apenas como questão de tempo, pela competência da jornalista e por ser uma das repórteres mais bem informadas de Brasília.

Cortes
Record deu uma enxugada na equipe do Geraldo Luís. Alguns elementos da sua produção foram demitidos na quinta-feira e serão substituídos por pessoas que estavam com o Gugu.

Geraldo, em viagem pelas cidades históricas de Minas Gerais, foi o último a saber.

Bate – Rebate
• A escalação de “Topíssima”, para todos os efeitos, continua valendo...
• ... Na Record, a informação é que a novela foi apenas transferida, assim como são asseguradas as presenças de todos os escalados...
• ... Por aí se entenda Guilherme Winter, Beth Goulart, Camila Rodrigues, Dudu Azevedo, Stephany Brito e Larissa Maciel...
• ... Entre tantos outros.
• Bem antes do grupo de discussão, que ainda nem tem data para acontecer, algumas mudanças são apontadas como imprescindíveis em “Deus Salve o Rei”...
• ... O tom da novela, seco e exageradamente interpretado, não caiu no gosto da maioria.
• Luciana Gimenez, depois das férias, voltou a apresentar os seus programas, ao vivo, na Rede TV!.
• Carioca, o Marvio Lucio, não tem nada acertado com nenhuma televisão...
• ... Mas não por falta de convites. Está apenas no aguardo do momento certo para estudar e tocar o assunto.
• André Aguera chamou para ele toda a direção da Band, em seus mais diferentes setores.

*Colaborou José Carlos Nery
 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!