Coluna

Flávio Ricco

Cortes fazem programa do Geraldo Luís trocar auditório por puxadinho

Edu Moraes/Divulgação/Record TV
Geraldo Luís terá um "puxadinho" na Record Imagem: Edu Moraes/Divulgação/Record TV
Arte/UOL
Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br

Colunista do UOL*

15/02/2018 00h05

O “Domingo Show”, de Geraldo Luis, para efeitos oficiais, é apenas uma vítima do processo deflagrado pela Record para o barateamento de algumas produções.

Além das demissões feitas, mudanças no formato e redução drástica da equipe, os cenários serão do “SP Record”, retirado do ar no final do mês passado. O espaço físico, uma área bem no cantinho, também será o mesmo .

Ou seja, o Geraldo, que antes tinha à sua disposição um teatro com plateia, agora foi enviado para um “puxadinho” no estúdio do jornalismo. É lá que ele passará a fazer as “cabeças” do programa.

Curioso observar que, por enquanto e por acaso, as medidas colocadas em prática só atingiram o “Domingo Show”.

Ao esvaziar desse jeito um produto que há tanto tempo se mantém como vice-líder de audiência, é de se presumir que a Record esteja punindo o Geraldo por alguma coisa.

Que muito provavelmente nem ele deve saber.

*Colaborou José Carlos Nery

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Colunas - Flavio Ricco
Topo